Tópicos em alta: coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Parque Municipal de Juiz de Fora começa a funcionar nesta terça

Complexo funciona entre 8h e 17h, mas disponibilizando apenas espaços ao ar livre


Por Gabriel Silva, sob a supervisão do editor Bruno Kaehler

11/10/2021 às 14h38- Atualizada 12/10/2021 às 14h56

Nesta terça-feira (12) acontece a abertura do Parque Municipal de Juiz de Fora. Na estreia do espaço, são esperadas até 1.500 visitantes e a disponibilização apenas das áreas situadas ao ar livre. O local estará aberto entre 8h e 17h, tem entrada gratuita, mas apenas para aqueles que estiverem com a vacinação contra a Covid-19 em dia. O novo dispositivo de lazer juiz-forano fica localizado na Rua do Contorno, s/n, no Bairro Nova Califórnia, Cidade Alta.

Visitantes terão acesso aos espaços abertos do Parque Municipal nesta terça (Foto: Fernando Priamo)

No primeiro dia, os frequentadores poderão utilizar os campos de futebol, as quadras, as trilhas, os bosques e os demais espaços abertos. As churrasqueiras não serão usadas na inauguração, mas terão esta liberação a partir do segundo dia de funcionamento – a quinta-feira (14). Todos os espaços são gratuitos e a entrada ocorrerá por ordem de chegada, no modelo que ocorre atualmente no Parque da Lajinha.

Por outro lado, o ginásio poliesportivo, o parque aquático, os restaurantes, os estacionamentos, as unidades habitacionais e os demais espaços edificados não estarão operando. No caso das piscinas, a restrição ocorre pela falta de preparação de pessoal dedicado à manutenção do tobogã e pela necessidade de contratação de salva-vidas. Os espaços fechados, por sua vez, dependem do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), processo que está em andamento, segundo a PJF.

Inicialmente, o espaço será gerido pelos servidores da PJF. A Prefeitura afirma já realizar, entretanto, o processo licitatório para selecionar uma empresa terceirizada que realize os trabalhos de manutenção e administração do Parque Municipal. “Está em processo de chamamento público a contratação da empresa que vai prestar esse serviço”, confirma o secretário de Esporte e Lazer (SEL), Marcelo Matta.

O conteúdo continua após o anúncio
Parque aquático, com piscinas e tobogã, ainda não poderá ser utilizado (Foto: Fernando Priamo)

Potencial turístico e esportivo

A SEL, segundo Matta, também já tem no radar projetos esportivos para realizar no Parque, aproveitando as diversas áreas do local que têm essa finalidade. “A gente pode realizar projetos de iniciação esportiva, assim como a gente pode realizar projetos aos finais de semana para a prática do lazer. Acho que o principal desse parque é a possibilidade de ocupação do tempo livre das pessoas”, reflete o secretário.

O secretário de Turismo (Setur), Marcelo do Carmo, por sua vez, define o espaço como “um universo” de possibilidades para incentivar o turismo e a cultura no município. Para o primeiro dia, a PJF priorizou a venda de artesanatos e também promove a dança com um projeto originado na Faculdade de Educação Física da Universidade Federal de Juiz de Fora (Faefid/UFJF). “É uma marca do nosso governo incentivar a produção de artesanato local, então teremos um trabalho lindo através da participação de artesãs e artesãos. Nós também teremos, à tarde, um pequeno baile feito por um projeto de extensão da Faefid chamado ‘Pés de Valsa’”, afirma o titular da Setur.

O espaço terá funcionamento de terça a domingo, sempre das 8h às 17h (Foto: Fernando Priamo)

Obrigatoriedade de vacinação

A entrada no Parque Municipal ocorre pela ordem de chegada, não sendo necessário agendamento. O espaço terá funcionamento regular de terça a domingo, sempre das 8h às 17h. A PJF ainda planeja realizar eventos pontuais com horários diferenciados no local. “O Parque é aberto a todos. É preciso que as pessoas tragam o comprovante de vacinação (contra a Covid-19) ou o comprovante (pelo ConectSus)”, pontua o secretário de Comunicação (Secom), Márcio Guerra. Crianças com 11 anos ou menos poderão utilizar o espaço mesmo sem a imunização. Não é permitida a entrada de animais no parque.

Na primeira semana, excepcionalmente, o local não estará aberto na quarta-feira (13), quando será fechado para manutenção e para avaliação do dia inaugural. Na quinta-feira (14), no entanto, a população poderá voltar a frequentar o espaço.

Dentro do Parque Municipal, os protocolos sanitários incluem a aferição da temperatura na entrada, o uso de máscara em todos os espaços, o distanciamento de um metro e meio entre as pessoas e o uso de álcool em gel. Logo no primeiro dia, haverá venda de alimentos e bebidas no local, sendo que é permitido que o visitante leve de casa os itens que for consumir. Entretanto, é proibido o consumo de bebida alcoólica no local.

Mapa do novo Parque Municipal (Foto: Fernando Priamo)

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia