Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Prefeitura de Juiz de Fora confirma mais cinco mortes por Covid-19

Três falecimentos são de pessoas com menos de 60 anos e sem comorbidades


Por Renan Ribeiro

09/06/2021 às 20h22- Atualizada 09/06/2021 às 20h49

A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) confirmou, em boletim epidemiológico atualizado nesta quarta-feira (9), mais cinco óbitos por Covid-19 ocorridos na última semana. Com isso, número total de vidas ceifadas pela doença em Juiz de Fora chegou a 1.685.

Três homens, de 41, 55 e 51 anos, respectivamente, faleceram e não tinham comorbidades relatadas. O primeiro morreu na quarta-feira (2), o segundo, no domingo (6) e o terceiro, nesta quarta-feira (9). As outras duas vítimas fatais são: uma mulher de 27 anos que tinha obesidade e depressão como comorbidades e teve a morte registrada na terça-feira (8) e uma idosa de 90 anos, que tinha hipertensão arterial sistêmica e hipotireoidismo, que faleceu no sábado (5).

O conteúdo continua após o anúncio

De acordo com o informativo, 198 pessoas tiveram o diagnóstico da doença nas últimas 24 horas, que somam, desde o início da pandemia, 35.011. No mesmo período, foram 416 novos casos suspeitos, que totalizam 88.715.

Todos os dados do boletim epidemiológico são referentes a moradores de Juiz de Fora. O balanço é disponibilizado pela Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) no site covid19.pjf.mg.gov.br, criado para divulgar informações sobre o coronavírus.

Hospitalizações

Havia, às 18h03, 404 pessoas internadas com Covid-19, de acordo com o levantamento. Desse total, 158 ocupavam leitos de UTI Covid e 246 estavam em enfermarias Covid. A taxa de ocupação nas UTIs SUS Covid era de 70,83%, nas enfermarias também destinadas ao tratamento da doença chegava a 79,64%. O índice de ocupação em leitos gerais, que somam os atendimentos a pacientes com coronavírus e também os que estão em tratamento de outras enfermidades, era de 78,13%. Nas UTIs gerais do SUS, de 76,78%, e na rede de UTIs gerais privada, 81,20%.

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia