Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

Juiz-forano Reis e técnico ressaltam espírito baeta e saldo após goleada

Equipe bateu o Varginha por 4 a 1 fora de casa e se recuperou de derrota para o Ipatinga; próximo jogo é no sábado


Por Tribuna

27/06/2022 às 19h51

Nada como um dia após o outro no futebol. Se na última quarta-feira (22), o Baeta foi derrotado em casa pelo Ipatinga em atuação criticada, no domingo (26), a equipe treinada por Nilson Corrêa voltou a mostrar sua força na briga pelo acesso à primeira divisão estadual com a goleada em 4 a 1 sobre o VEC, em Varginha, pela terceira rodada do hexagonal final do Módulo II do Campeonato Mineiro. O triunfo levou o Leão do Poço Rico para a liderança com 6 pontos somados, mesmo número de Ipatinga e Betim, que possuem menor saldo de gols.

O juiz-forano Reis, que entrou aos 17 minutos da etapa final, quando o placar estava em igualdade de 1 a 1, foi um dos destaques do Baeta no duelo com gol e assistência. Após o jogo, à TV Baeta, ele comemorou a atuação coletiva.

“Vitória importante. Nos colocamos uma pressão pela derrota em casa contra o Ipatinga, mas fizemos um jogo inteligente. Sabíamos da qualidade do Varginha com a bola no pé, procuramos imprimir uma marcação mais forte e sair nos contra-ataques. Fomos felizes, esse é o espírito da nossa equipe. Se procurar uma explicação sobre o que aconteceu no jogo com o Ipatinga, a gente não ia achar. Procuramos trabalhar durante a semana para corrigir os erros e, consequentemente, fazer um grande jogo com o Varginha e sair com os 3 pontos”, relatou.

“Não nos planejamos de acordo com o resultado”

O técnico do Baeta Nilson Corrêa, assim como fez após a derrota para o Tigre, voltou a enfatizar o poder da continuidade do trabalho, com o melhor ataque da competição, o que também gera uma vantagem em um dos critérios de desempate do Módulo II.

“Essa partida foi importante, como a próxima será, e até a última. Não nos planejamos de acordo com o resultado. Sabemos o que estamos fazendo e que teremos dias em que vamos perder e ganhar. O que precisamos ter em mente é que precisamos estar prontos para os desafios e graças a Deus conseguimos uma vitória expressiva com uma equipe que não perdia há três jogos. Além dos três pontos, conseguimos fazer saldo, que vai ser muito importante pra esse campeonato em que está todo mundo muito junto. Pode ser um fator determinante para a classificação final”, analisa o comandante.

O conteúdo continua após o anúncio

O Tupynambás volta a campo no próximo sábado (2), quando recebe o Boa Esporte no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, às 15h.

 

Os comentários nas postagens e os conteúdos dos colunistas não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir comentários que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia