Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Rede Tribuna de Comunicação marca 40 anos de jornal

Novo conceito é uma consolidação dos 40 anos do jornal impresso Tribuna de Minas e destaca momento de convergência midiática


Por Gracielle Nocelli

28/02/2021 às 07h00- Atualizada 04/03/2021 às 19h01

O Grupo Solar de Comunicação será a Rede Tribuna de Comunicação. A mudança ocorre no ano em que o jornal impresso Tribuna de Minas completa 40 anos, e a marca assume o protagonismo em meio ao cenário de convergência midiática e ampliação dos produtos oferecidos pela empresa. O lançamento da rede ocorre neste domingo (28) por meio da veiculação de campanha publicitária.

Idealizadoras do novo conceito, as diretoras geral Suzana Neves e Márcia Neves explicam que a proposta está alinhada ao momento vivido pela comunicação. “Durante muito tempo, trabalhamos focados no jornal impresso, que alcançou credibilidade junto ao público por acompanhar a história de Juiz de Fora com comprometimento e seriedade”, avalia Suzana. “Nos últimos anos, encaramos o desafio de estar presente em novas plataformas, produzindo diferentes tipos de conteúdo, para levar a informação ao público em todos os lugares. Somos mais do que um grupo, estamos conectados em rede.”

Márcia destaca que esta conexão é observada pela sinergia entre os veículos que integram a Rede Tribuna de Comunicação: o jornal impresso e o portal Tribuna de Minas, a rádio CBN Juiz de Fora (91,3 FM) e a rádio MIX (88,9 FM). “As equipes trabalham em conjunto”, destaca. “O crescimento e o fortalecimento da nossa rede foi possível pela história do impresso, que nos fez referência em jornalismo. Por isso, celebramos esses 40 anos reconhecendo a marca como nome da empresa.”

‘Somos todos um’

O editor-geral Paulo César Magella destaca que a Tribuna de Minas tem sido âncora do trabalho realizado pela empresa e, por isso, a escolha do nome. “Tal decisão aponta para a importância de uma plataforma que tem sido o principal canal de informação da cidade nestas últimas quatro décadas. Ademais, não significa enfraquecimento das outras plataformas; ao contrário, justifica o nosso próprio lema de sermos todos um.”

Rede Tribuna de Comunicação integra o jornal impresso e o portal Tribuna de Minas, a Rádio CBN Juiz de Fora (91,3 FM) e a Rádio MIX (88,9 FM) (Foto: Fernando Priamo

Conceito valoriza DNA juiz-forano

O jornal impresso Tribuna de Minas circulou pela primeira vez em 1º de setembro de 1981. Criado pelo médico e empresário Juracy Neves, o veículo nasceu com a proposta de retratar a história de Juiz de Fora.

O conteúdo continua após o anúncio

Para o diretor executivo da Artwork e também responsável pelo marketing da Rede Tribuna, Dennis Orru, o novo conceito valoriza o “DNA juiz-forano”. “É um reconhecimento dessa identidade que foi criada junto ao público. A marca Tribuna é muito forte.”

O diretor comercial da Artwork Propaganda e também responsável pelo marketing da Rede, Thiago Vianna, acredita que a mudança é uma forma de legitimar o reconhecimento dado pelo público. “A Tribuna é um jornal da cidade, gerador de empregos e que acompanha os fatos locais. O público se vê nas notícias”, analisa. “Ao longo desses anos, as pessoas se acostumaram a dizer “Tribuna” quando se referiam ao Grupo Solar. É uma forma de valorizar essa proximidade, destacando que a Tribuna é uma rede, que integra outros veículos e produtos.”

Para dar esse destaque, Dennis cita o slogan que será trabalhado na divulgação: “O slogan é ‘Em todo lugar perto de você’, enfatizando que não importa qual seja o público ou qual plataforma ele prefira, o nosso conteúdo estará disponível.”

Conexão com os diferentes públicos

O gerente comercial da Rede Tribuna de Comunicação, Luiz Carlos Lyra, ressalta o trabalho realizado por todos os veículos. “Debaixo desse guarda-chuva da Rede Tribuna temos veículos que possuem o mesmo DNA de qualidade, com profissionais de grande expertise. A convergência é muito importante e está acontecendo cada vez mais forte, e isso tudo que está acontecendo foi o jornal impresso que deu início. Nada mais justo este reconhecimento.”

E como característica da rede, a conexão será realizada com os diferentes públicos. “Vamos continuar nos preocupando com leitores, ouvintes, usuários das redes e, também, os anunciantes.”

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia