Tópicos em alta: tiroteio entre polícias / polícia / enem 2018

‘Não vamos deixar o Tupi cair’, garante volante Marcel

Juiz-forano garante concentração máxima para reta final. Goleiro Vilar recebe fãs mirins no treino

Por Bruno Kaehler

12/07/2018 às 08h55

 

O que o torcedor pede é mais vontade, raça, e tomara que a gente tenha isso contra o Botafogo-SP porque temos qualidade”, diz Marcel, que vira e mexe é questionado nas ruas

Ninguém no atual elenco é mais identificado com o Tupi que o volante Marcel. Juiz-forano e cria do Galo, o volante inclusive já admite de forma irônica que sempre “dá a cara a tapa” em momentos frágeis na temporada. “Quando o time está bem, o Marcel fica meio sumido, mas quando está mal, procura o Marcel para falar”, brinca o atleta. Após a derrota para o Cuiabá na última rodada, oitava colocação na Série C e 14 pontos somados, apenas um a mais que o Volta Redonda, o Tupi é primeiro clube na zona de rebaixamento, e o jogador voltou a ser questionado por torcedores nas ruas da cidade sobre a situação da equipe. Um dos líderes do grupo, ele mostrou confiança na permanência do Galo na terceira divisão nacional.

O conteúdo continua após o anúncio

LEIA MAIS

“Sou um jogador que já teve conquistas pelo Tupi e sei da grandeza do clube, sou da cidade e fui criado aqui. Por isso as pessoas querem saber de mim o que acontece. Acho que o futebol tem seus altos e baixos. O que o torcedor pede é mais vontade, raça, e tomara que a gente tenha isso contra o Botafogo-SP (sábado, às 16h, fora de casa) porque temos qualidade. Temos mandado nos primeiros minutos dos jogos, mas sofrido gols em erros nossos. Aí jogar atrás no placar é complicado. Mas estamos focados e não vamos deixar o Tupi cair. O Vilar, por exemplo, fez aqueles milagres com o time perdendo. Depois da situação que aconteceu nessa semana, de comprometimento, estamos ainda mais concentrados para tirar o Tupi desta situação”, conta o meio-campista de marcação.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia