Tópicos em alta: dengue / polícia / fé na estrada / reforma da previdência / bolsonaro

7 lugares para saborear ou encomendar rabanada em JF

Por Júlia Pessôa

14/12/2018 às 07h00

Apesar de não haver qualquer coisa que impeça a gente de comer rabanada o ano inteiro, quando bem entender, parece que a espera pelas festas de fim de ano torna a iguaria típica do período ainda mais deliciosa. Segundo o antropólogo Luís da Câmara Cascudo, no livro “Dicionário do Folclore Brasileiro”, a origem do prato é incerta, havendo versões por diversas partes do mundo. Acredita-se que a rabanada como a que comemos por aqui tenha sido criada para reaproveitar o pão amanhecido, hábito que teria vindo de nossos colonos portugueses. Apesar disso, na Inglaterra há o “eggy bread”; nos Estados Unidos, a “french toast”; e na França, o “pain perdu”, todos com o mesmo princípio: de umedecer fatias de pão no leite e no ovo, fritá-las e polvilhar açúcar e canela. Ainda de acordo com o autor, no Brasil há regiões em que a rabanada é chamada de “fatia de parida”, alcunha que vem de uma crença de que o doce ajudaria na produção do leite materno durante a gravidez e, por isso, deve ser oferecido a mulheres grávidas.
Seja qual for a raiz da rabanada, hoje em dia ela tem versões variadíssimas, com opções de recheios, coberturas e até versões light/diet/fit. Separamos aqui seis lugares em Juiz de Fora em que você pode encomendar ou saborear essas delícias, não importa qual seja sua praia.

Casa Taé

Os produtos da Casa Taé são sempre fresquinhos e preparados com aquele toque de cozinha da casa da gente. Além da rabanada tradicional, há as feitas com pães saborizados depois de serem assados, nas opções de baunilha, amêndoas, limão siciliano, laranja e licor de laranja. Outro diferencial é que as rabanadas são grelhadas na manteiga, e não fritas em imersão. A venda é feita por peso, e as encomendas devem ser feitas por inbox no Facebook ou telefone, com até 48 horas de antecedência e entrega a combinar.

Encomendas: 99800 8918

Dona Mocinha Ateliê de Confeitaria

Preparadas com todo capricho e artesanalmente, as rabanadas da Dona Mocinha podem, além de sua versão tradicional, vir com o recheio de ganache, doce de leite, geleia de frutas vermelhas, Nutella e a mineiríssima de queijo com goiabada. As encomendas devem ser feitas com uma semana de antecedência no mínimo, com entrega a combinar.

Encomendas: 98455-8402

Empório Life

O pão de rabanada da Empório Life (que também pode ser comprado para quem quiser fazer em casa) não contém glúten ou conservantes. A rabanada é preparada com ovos, farinha de arroz integral, polvilho doce, óleo de coco, vinagre de maçã, açúcar demerara orgânico, fermento, goma xantana e sal marinho. Além disso, elas também levam leite sem lactose e canela e são preparadas no óleo de coco. As rabanadas podem ser consumidas na própria padaria ou encomendadas, com prazo a combinar.

Alameda Pássaros da Polônia 47, Estrela Sul
Encomendas: 3241-1551

Mister Granbery

O conteúdo continua após o anúncio

A Padaria Mister Granbery é um achado do bairro, com várias delícias do estabelecimento. As rabanadas fritas são preparadas com leite condensado, o que dá um sabor todo especial ao quitute, mas quem quiser evitar gorduras em excesso pode pedir a versão assada, sem o ingrediente. Há a opção de Nutella, com um preço mais salgado, e por isso feitas somente sob encomenda. Elas são vendidas na padaria ou feitas sob encomenda por quilo, mas o cliente pode pedir quantas unidades quiser e pagar pelo valor do peso. Para a ceia, as encomendas serão recebidas até o dia 22 de dezembro.

Rua Ambrósio Braga 80, Granbery
Encomendas: 3217-2219

Papel e Doce

Na Papel e Doce, a receita da rabanada é de família, guardada a sete chaves, repassada à confeiteira Laura Ferigatto por sua avó. Mas para encomendar não tem mistério. Há duas opções: a tradicional, feita com açúcar, canela ou leite condensado; e a feita com adoçante para quem tem restrição de consumo de açúcar. As encomendas serão recebidas até o dia 22 de dezembro, e as rabanadas são vendidas por unidade.

Encomendas: 98469-8103

Padaria Linda

Tradicionalíssima, a Padaria Linda, que fica bem no centrão, em pleno calçadão da São João, faz a rabanada também da forma tradicional: fritinha, preparada com leite, ovo canela e açúcar. Elas podem ser consumidas por lá ou encomendadas, mas para esta opção é preciso ir até o estabelecimento e deixar um sinal, pagando o restante no momento da retirada. Os aficionados garantem que é uma das melhores.

Rua Barão de São João Nepomuceno 406, Centro
Telefone (encomendas só presencialmente): 3215-9791

D’Atelier Maria Pipoca

No Maria Pipoca, a especialidade são doces finos, então a rabanada não poderia deixar de ter uma bossa. Além da versão tradicional, fritinha, o ateliê tem também as recheadas e as indecentes rabanadas banhadas em chocolate. As encomendas podem ser feitas até o dia 22 de dezembro, portanto planeje-se!

Telefone: 98849-6103

Tópicos: gastronomia

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia