Tópicos em alta: sarampo / CPI dos ônibus / polícia / bolsonaro / reforma da previdência

UFJF divulga resultado da análise de renda dos candidatos do Sisu

A UFJF divulgou nesta semana o resultado da análise de renda dos candidatos dos grupos A, A1, B e B1 que fizeram a primeira matrícula presencial no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), em fevereiro de 2018. Os alunos que tiveram o perfil negado têm até esta sexta-feira, 27, para entrar com O pedido de recurso.

Por Caderno Educação

25/04/2018 às 17h33- Atualizada 26/04/2018 às 10h36

Os candidatos dos grupos A, A1, B e B1 que fizeram a primeira matrícula presencial da chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu),  em fevereiro de 2018, podem consultar o resultado da análise de renda. O material foi divulgado nesta semana pela Coordenadoria de Assuntos e Registros Acadêmicos (Cdara) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

Encontre sua bolsa de estudos

Os candidatos com pedido negado podem preencher o formulário para recurso e entregá-lo na Central de Atendimento (CAT) da UFJF até a esta sexta-feira, 27, das 8h às 17h. O mesmo protocolo também se aplica aos candidatos de Governador Valadares, que devem entregar o formulário na CAT do campus avançado no mesmo prazo.

Leia aqui também:

Resultado dos pedidos de isenção para o Enem já está disponível

Inscrições para o Encceja Nacional 2018 já estão abertas

Edital do ENEM 2018 já está disponível! Confira as novidades

O conteúdo continua após o anúncio

A justificativa do resultado daqueles que tiveram o perfil negado será encaminhado por e-mail. Os candidatos que não o receberem podem solicitar uma cópia pelo e-mail dú[email protected], também até o próximo dia 27.

Quem faz parte dos grupos A, A1, B e B1?

 

A: alunos negros, pardos ou indígenas com renda familiar abaixo de 1,5 salário mínimo e que cursaram o ensino médio todo em escolas públicas.

A1: candidatos com deficiência, negros, pardos ou indígenas com renda familiar abaixo de 1,5 salário mínimo e que cursaram o ensino médio todo em escolas públicas.

B: alunos com renda familiar abaixo de 1,5 salário mínimo e que cursaram o ensino médio todo em escolas públicas.

B1: candidatos com deficiência, com renda familiar abaixo de 1,5 salário mínimo e que cursaram o ensino médio todo em escolas públicas.

Bolsas de estudo

Cursar uma graduação ficou ainda mais fácil com o apoio de projetos de financiamentos estudantis. Um desses programas é o Tô de Bolsa. Ele oferece bolsas de estudo de até 60% de desconto nas mensalidades durante toda graduação, sem a necessidade de renovação do financiamento. Quer saber mais? Clique aqui!

Sugira uma pauta!

Qual assunto você gostaria de ler mais aqui? No que mais tem dúvidas? O Caderno do Enem quer saber sobre quais outros temas podemos escrever que irão ajudar nos seus estudos. Mande a sua sugestão de pauta para [email protected]

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia