Projeto que institui olimpíadas estudantis é vetado pela PJF

Competição seria realizada anualmente na segunda quinzena de outubro, sendo dirigida aos alunos da rede pública municipal que cursarem o Ensino Fundamental do 6° ao 9° ano

Por Tribuna

12/01/2018 às 10h17

O Prefeito de Juiz de Fora, Bruno Siqueira (MDB), vetou o projeto de lei que institui as Olimpíadas Estudantis de Esportes nas escolas municipais da cidade. A competição seria realizada anualmente na segunda quinzena de outubro, sendo dirigida aos alunos da rede pública municipal que cursarem o Ensino Fundamental do 6° ao 9° ano. Segundo o projeto, a competição seria constituída por diversas modalidades, como basquete, futsal, handebol, vôlei, futebol de campo, natação, atletismo, judô, ginástica rítmica, ginástica artística, tênis de mesa, tênis de campo, skate e patins.

O conteúdo continua após o anúncio

Segundo justificativa apresentada pelo Executivo, publicada no Atos do Governo desta sexta-feira (12), o projeto indica o mesmo período de realização da Mostra Estudantil de Artes, o que demandaria atenção e estruturação específicas que inviabilizam a coexistência de dois eventos deste porte. Além disso, o texto estabelece como modalidades de competição obrigatória diversos esportes que sequer são ministrados na rede pública de ensino, “alguns, inclusive, inviáveis devido ao custo financeiro de sua prática, não havendo sequer equipamentos de competição adequados atualmente à disposição do Município.” Por fim, o prefeito argumentou que não há previsão orçamentária para a realização da competição entre os custos minimamente previsível e apontou que o município já realiza os Jogos Intercolegiais, que chegaram à 24ª edição em 2017.

Em sua fundamentação durante a fase de elaboração da proposição, a vereadora Ana Rossignoli (MDB) ressaltou que “um evento desta natureza promove a cooperação entre nossas crianças, com espírito de lealdade, esportividade e motivação, traz ao ambiente escolar uma dinâmica diferente da relação que costumeiramente os alunos praticam no dia a dia nas salas de aula, melhorado também o relacionamento dos alunos com os professores a todo o corpo docente”.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail





Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia