Tópicos em alta: coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Sopa é janta, sim senhor!

Ensopados e caldos espessos sempre estão presentes nas panelas dos butecos de JF, e agora, nesse inverno rigoroso, fazem a alegria dos clientes

Por Airton Soares

16/06/2021 às 18h25 - Atualizada 16/06/2021 às 20h17

Ensopados e caldos espessos sempre estão presentes nas panelas dos butecos de JF, e agora, nesse inverno rigoroso, fazem a alegria dos clientes
Rei do Mocotó
Rei do Mocotó
O caldo de mocotó reina absoluto entre os pratos mais pedidos nesse bar do Centro da cidade, mas também há espaço para a canjiquinha, feijão amigo e uma tradicional feijoada, esta última servida no almoço toda sexta-feira.
Rua Barbosa Lima 156 – Centro
WhatsApp: 98884-7046
Zaka’s Gastrobeer

Zaka’s Gastrobeer

Petiscos, almoço, burgers e agora caldos: o polivalente Zaka’s aquece o inverno com um primoroso caldo de abóbora com gorgonzola (que foi tema de receita aqui no jornal), mas há também o feijão amigo, vaca atolada, porco atolado, pirão, feijoada, dobradinha, canjiquinha e os juninos arroz doce e canjica. Anarriê!
Rua Tenente Paulo Maria Delage 294 – Borboleta
WhatsApp: 99117-0714
Bar do Antônio

Bar do Antônio

O conteúdo continua após o anúncio
Seu Antônio me trouxe a memória da infância e das quermesses em que eu ia atrás do angu à baiana, prato sempre esperado o ano todo pelos fiéis da igreja e também pelos devotos desta receita. Um curioso cassoulet mineiro também aparece no cardápio do Bar do Antônio e, por fim, a onipresente canjiquinha aquece as frias noites do Bairro São Pedro.
Rua José Lourenço 1262 – São Pedro
WhatsApp: 98709-0353
Bar Dias

Bar Dias

O outrora Quarteto Fantástico – mocotó, dobradinha, feijão amigo e vaca atolada – ganhou a companhia de uma quinta heroína, a canjiquinha. Sabendo da experiência da Dona Ana, matriarca da família Dias, e da qualidade das cozinheiras que trabalham por lá, o resultado já é sabido por todos: mais uma delícia oferecida aos clientes
Rua Luiz Rocha 2 – Santa Terezinha
WhatsApp: 99197-2110
Empório do Sabor

Empório do Sabor

O feijão amigo desse bar ficou na minha memória pelo capricho no serviço: chega à mesa guarnecido por torresminho e pinga. A bebida e o caldo são servidos naqueles tradicionais copos de dose.  É o verdadeiro combo de botequim. Além dele, o cardápio ainda nos oferece canjiquinha, dobradinha, vaca atolada e caldos de abóbora e inhame.
Rua Henrique Novais 166 – Lourdes
WhatsApp: 98414-2213
Cantinho do Camarão
Cantinho do Camarão
O Edson, dono do bar, busca os pescados para suas receitas pessoalmente, lá no Espírito Santo, e por isso a qualidade é imbatível. Bobó de camarão, caldo de moranga com camarão, caldo de peixe – desfiado e cozido sem farinha – e um pirão que só leva partes nobres do peixe são atrações do Cantinho do Camarão. Tudo fresquinho e saboroso.
Praça Artur Bernardes 230 – Bandeirantes
WhatsApp: 99163-5269
Bar do Dodô (Divulgação)
Bar do Dodô
Esse tradicionalíssimo bar do Bairro Bandeirantes tem no seu cardápio de peixes o principal atrativo, e por lá o caldinho de piranha é muito pedido pelos clientes, que afirmam tratar-se de receita afrodisíaca.  O pirão de peixe, que também é uma excelente pedida para aquecer esses dias frios, faz parte do cardápio e também é muito apreciado pelos clientes do Dodô.
Rua Antônio Soares da Costa 30 – Bandeirantes
WhatsApp: 99910-7108

Butecos de JF

Butecos de JF

Airton Soares é gestor público por formação acadêmica mas, por opção e gosto, é conhecido como apreciador da cozinha de raiz, com experiência comprovada e acumulada na cintura. Já foi jurado do Comida di Buteco, é colunista do Tribuna de Minas, tem programas nas rádios Transamérica JF e Mix FM e é dono da fanpage @butecosdejf, onde conta com mais de 100 mil seguidores que acompanham as dicas e comentários sobre comidas, bebidas e bares desse rotundo entusiasta da culinária simples e saborosa, segundo ele, a mais gostosa de todas!

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia