Tópicos em alta: CPI dos ônibus / polícia / fé na estrada / reforma da previdência / bolsonaro

Congresso de Medicina Esportiva da UFJF traz profissionais de diversas cidades

Evento de dois dias no Hospital Monte Sinai vai abordar temas diversos com o intuito de contemplar várias áreas da saúde

Por Gabriel Silva, estagiário sob a supervisão da editora Rafaela Carvalho

13/08/2019 às 18h44

Música aumenta a performance de atletas? É possível evitar a morte súbita dentro do esporte? Essas são algumas das questões que vão embalar os dois dias de programação do IV Congresso de Ortopedia e Medicina Esportiva da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), que, neste ano, acontece em conjunto com a XXII Jornada de Reumatologia de Juiz de Fora. O evento, que contempla as mais variadas áreas da saúde em torno de temas que permeiam o esporte de alto rendimento e também a prática de atividades físicas cotidianas, acontecerá nas próximas quinta (15) e sexta-feiras (16), no Hospital Monte Sinai, localizado na Avenida Presidente Itamar Franco 4.000, Bairro Cascatinha.

O encontro entre profissionais da Medicina Esportiva surgiu a partir da carência, na região, de um espaço para discutir os traumas do esporte, fator observado pelo organizador do evento, Adriano Mendes Júnior, ortopedista da UFJF e organizador do evento desde a primeira edição. Segundo ele, a organização sempre prezou por ter um evento multidisciplinar e agregador entre as áreas da saúde. “A gente viu que era uma oportunidade, mas a gente nunca deixou de deixar bem claro que as discussões sempre foram multidisciplinares e que não eram de especialistas, eram para que todo mundo pudesse equilibrar seu nível de conhecimento e ser o melhor para o paciente”, explica.

Pela primeira vez, o evento será realizado em parceria com a Jornada de Reumatologia do município, tradicional encontro de profissionais dedicados ao estudo e tratamento das doenças reumáticas. A edição conjunta também foi uma oportunidade de ampliar as áreas contempladas pelas discussões, de acordo com o ortopedista. “Sabemos que a dor é o que motiva o paciente a procurar qualquer profissional da saúde, e o local mais aparente de dor é no aparelho locomotor. Dessa forma, temos vários profissionais e também reumatologistas que atendem a algumas queixas, e a gente quis que todos esses profissionais estivessem no mesmo local”, conta.

Programação

O conteúdo continua após o anúncio

Assim foi pensada toda a programação do evento, que, nos dois dias, vai das 8h às 20h. Haverá mesas e palestras, que abordam desde dores no joelho de praticantes de crossfit, até o doping no esporte de alto rendimento e a questão dos transgêneros dentro do atletismo profissional. Entre os palestrantes envolvidos também constam nomes expressivos como Nathália Figueirêdo, médica da Seleção Brasileira de Atletismo e Esporte Clube Vitória, e Filippo Coutinho, do Volta Redonda Futebol Clube.

“Quando a gente montou a programação, a gente quis tirar essa áurea de congresso médico. Ele tem um foco voltado para o entendimento das doenças musculoesqueléticas, de todas as áreas. E em uma das partes, que é a de Medicina do Esporte, a gente tenta trazer temas que são tranquilos de serem respondidos, que são instigantes, porque geralmente a gente não tem essas respostas nos livros”, salienta Adriano. “Por exemplo, essa questão da música aumentar ou não a performance. Quando você vai fazer uma corrida, se colocar uma música, instintivamente você tem uma performance aumentada. Então, todos os temas têm o foco multidisciplinar e o entendimento para que a plateia saiba o que é o melhor cuidado do praticante de Educação Física”, finaliza.

Inscrições

Ainda restam 30 vagas para o evento. Os interessados devem procurar os acadêmicos das Ligas de Ortopedia e Reumatologia no Instituto de Ciências Biológicas, na Faculdade de Medicina e na Faculdade de Educação Física e Desportos da UFJF, ou na Faculdade Suprema, das 11h às 13h. Também pode ser feito contato direto pela página do evento no Instagram. As inscrições custam R$ 50 para graduandos e R$ 70 para os demais públicos.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia