Caminhão-tanque pega fogo, e MG-353 é totalmente interditada

Segundo informações da Polícia Militar Rodoviária, veículo só deve ser retirado do local nesta terça; confira vídeos

Por Tribuna

16/04/2018 às 18h54 - Atualizada 16/04/2018 às 23h24

Chamas consumiram todo o veículo, causando grande fumaça no local (Foto: PMR/Divulgação)

Um motorista morreu carbonizado no final da tarde desta segunda-feira (16) depois que o caminhão-tanque conduzido por ele tombou e explodiu no km 69 da MG-353, entre Juiz de Fora e Coronel Pacheco. O corpo da vítima, não identificada, foi localizado encarcerado junto à cabine do veículo. A previsão é de que a estrada só seja liberada ao tráfego nesta terça.

De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar Rodoviária (PMR), o acidente teria ocorrido por volta das 17h30, próximo ao posto policial na saída do Bairro Grama, região Nordeste da cidade. O trânsito na estrada precisou ser totalmente interditado nos dois sentidos, mas, conforme a PMR, não houve congestionamento no local. Motoristas foram orientados a utilizar a AMG-3085, que liga a BR-040 ao Aeroporto Regional, como rota alternativa.

Inicialmente, a informação, repassada pelo Corpo de Bombeiros, era de que o caminhão-tanque estava carregado com ácido crotônico. A PMR, no entanto, confirmou posteriormente que a nota fiscal da carga apontava que o veículo transportava diesel S-10 e gasolina.

O conteúdo continua após o anúncio

Por volta das 19h, o fogo foi controlado, e militares dos bombeiros iniciaram o rescaldo do caminhão para evitar novas explosões. O trabalho durou cerca de uma hora. De acordo com a corporação, foram utilizados aproximadamente 12 mil litros de água. A perícia foi acionada para levantamentos trabalhos de praxe.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail





Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia