Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Brasil registra 2.760 mortes por Covid, aponta boletim desta terça

É o maior número de óbitos registrados em um único dia desde 5 de maio, quando chegou a 2.791


Por Tribuna

15/06/2021 às 20h30

O Brasil registrou 2.760 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando, nesta terça-feira (15), 491.164 óbitos desde o início da pandemia. É o maior número de óbitos registrados em um único dia desde 5 de maio, quando chegou a 2.791. Com isso, a média móvel de mortes nos últimos sete dias chegou a 1.980. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi positiva em 6% e indica tendência de estabilidade nos óbitos decorrentes do vírus. Os números estão no novo levantamento do consórcio de veículos de imprensa, consolidados às 20h desta terça.

O conteúdo continua após o anúncio

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia, 17.543.853 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 88.992 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos sete dias foi de 72.193 novos diagnósticos por dia. Isso representa uma variação positiva de 14% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de estabilidade também nos diagnósticos.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, foram contabilizadas mais 2.468 mortes nas últimas 24 horas, chegando ao total de 490.696 vítimas da doença no país. Também foram computados mais 80.609 casos confirmados, resultando em 17.533.221 infectados desde o início da pandemia.

Tópicos: coronavírus

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia