Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Unicsum se prepara para implantar centro de pesquisa

PUBLIEDITORIAL

Programas de pesquisa e tecnologia são fundamentais para qualificação dos alunos e, consequentemente, para o desenvolvimento de Juiz de Fora


Por Unicsum

31/05/2021 às 07h00

unicsum
Centro Universitário do Sudeste Mineiro (UNICSUM) reconhece a importância do Programa de Iniciação Científica e Tecnológica

Uma cidade onde seus habitantes são formados por instituições de ensino superior de qualidade tende a ser mais desenvolvida. Isso porque elas são responsáveis por desenvolver aspectos interpessoais ao longo dos estudos e indicar, inclusive, modos de agir, sobretudo dentro da profissão, além de formar alunos qualificados. Dessa forma, o retorno para a cidade é quase que imediato, tanto social, quanto econômico. Uma das formas de contribuir para uma formação digna é investir nas pesquisas, o que garante eficiência no ensino, ao lado do pensamento crítico e das atividades práticas. Sabendo da importância da pesquisa, principalmente para os alunos, o Centro Universitário do Sudeste Mineiro (UNICSUM) se prepara para inserir o Programa de Iniciação Científica e Tecnológica na instituição.

De acordo com Carlos Gabriel de Lade, professor e coordenador do curso de Educação Física, isso representa um salto na qualidade do ensino e na prestação de serviço para a comunidade acadêmica, inclusive, para Juiz de Fora. Ele observa que a pesquisa é um dos principais eixos na formação global dos alunos. É ela que proporciona o desenvolvimento do senso crítico, de habilidades, resolução de problemas, gestão e trabalho em equipe – recursos valorizados, também, pelo mercado de trabalho. “Além do salto na qualidade do ensino, esperamos que os projetos de pesquisa desenvolvidos contribuam para o avanço da ciência nas mais diversas áreas, na formação dos alunos, na atuação dos professores e, principalmente, com a comunidade de Juiz de Fora sendo beneficiada com os programas desenvolvidos e resultados alcançados”, ressalta.

Reconhecimento do MEC

A inserção de programas de Iniciação Científica e Tecnológica só foi possível graças à transformação da instituição em Centro Universitário, com o reconhecimento do Ministério da Educação, baseado em análises de excelência de ensino, corpo docente e condições de trabalho oferecidas à comunidade acadêmica. Essa transformação foi iniciada no segundo semestre de 2019. E, desde então, o UNICSUM vem preparando a implantação do Centro de Pesquisa.

Validação dos Projetos de Pesquisa

De acordo com o professor Carlos, “todo projeto de pesquisa deve passar pelo estabelecimento de uma relação acadêmica aluno-professor orientador”. É a partir desse contato que os projetos são pensados e criados, de forma a apresentar “os passos que foram desenvolvidos para se testar uma hipótese predefinida”. O projeto de pesquisa passa pela Comissão de Ética em Pesquisa e pela Comissão Científica do UNICSUM (formada pelos professores Patrícia Mara de Souza, Carlos Gabriel de Lade, Giselle Teixeira Mauler do Rio e Júlia d’Almeida Francisquini), que analisa viabilidade, relevância, entre outros pontos, dos projetos. Todos os cursos ofertados pelo Centro Universitário podem ser contemplados, e as inscrições serão feitas anualmente através do edital publicado pela instituição.

Esse salto na qualidade do ensino e o investimento em pesquisa e tecnologia impactam diretamente no desenvolvimento de Juiz de Fora e até de outras cidades. O professor Carlos conclui que esse impacto positivo se baseia na formação de recursos humanos qualificados para o mercado de trabalho em muitas áreas distintas. “O UNICSUM faz parte de alguns programas de crédito estudantil. A possibilidade de estudar eleva as chances de o aluno mudar a sua realidade, a de sua família e a de sua comunidade. Esse é o nosso principal legado”.

“A partir das pesquisas desenvolvidas no programa de Iniciação Científica e Tecnológica do UNICSUM, esperamos que, além de uma formação mais robusta de nossos alunos, as intervenções propostas, os programas desenvolvidos e os resultados atingidos possam retornar à comunidade como serviços prestados, principalmente para a parcela da população mais vulnerável”

Carlos Gabriel de Lade
Professor e coordenador do curso de Educação Física do UNICSUM

Leia também: Farmacêuticos realizam procedimentos estéticos?

Unidade São Mateus
Av. Presidente
Itamar Franco, 3170
Tel.: (32) 2104-9090

  • Unidade Rio Branco
    Av. Barão do Rio Branco, 2.872, Centro
    Tel.: (32) 4009-7000

Instagram
@unicsum

Facebook
/unicsum

Site
unicsum.edu.br



Desenvolvido por Grupo Emedia