Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

Utropicália: a ira da criação de Mauloa

Banda lança espetáculo audiovisual pelo YouTube


Por Tribuna

20/09/2020 às 07h00- Atualizada 21/09/2020 às 07h34

O grupo juiz-forano Mauloa estreia “Utropicália” neste domingo (20), às 17h. O projeto audiovisual explora a relação do “bicho homem com o mundo ao seu redor”, por meio da performance de luzes e imagens imersivas, que se empenham em hipnotizar os sentidos do público. O show propõe um olhar a partir de uma nova perspectiva do período contemporâneo, através da recordação de elementos culturais, folclóricos e urbanos. De acordo com release enviado à imprensa pelo grupo, o espetáculo busca contemplar a harmonia da natureza com o colapso global desse momento.

O projeto é uma adaptação virtual do show que foi realizado em dezembro de 2019, dentro do Circuito Pólen, organizado pela Funalfa, que era construído a partir de interferências de vídeo na apresentação musical. Dessa vez à distância, o grande desafio para a banda foi a readaptação do formato presencial para as telas do YouTube, cumprindo as normas de segurança coletiva.

O conteúdo continua após o anúncio
Mauloa reembalou, para o formato virtual, apresentação que fez no fim do ano passado para o Pólen, da Funalfa (Foto: Rodrigo Ferreira/Divulgação)

A banda, na estrada desde 2016, é formada pelos músicos Thalles Oliveira (bateria, percussão e voz), Thimy Vieira (teclados), Victor Sampaio (baixo e voz), Tiago Croce (guitarra), Pedro Alfeld (flauta e voz) e Mikael Gomes (voz). Victor Sampaio assina o conceito e direção artística do projeto, com a composição visual de VJ Thiago Montano em simbiose com o Mauloa. A iluminação é de Vinícius Ildefonso, e o figurino, de Radha Damasceno.

A execução da live é uma produção do coletivo Uthopia da Mata, com direção de Rodrigo Ferreira. O show será exibido pelo canal www.youtube.com/mauloamusica e contará ainda com abertura da cantora Alice (@mechamedealice).

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia