Fies divulga resultado do 2º semestre de 2018

Os candidatos aprovados têm até sexta-feira,3, para concluir a inscrição no site do Fies. São 155 mil vagas disponíveis para financiamento, sendo 50 mil delas a juros zero.

Por Caderno Educação

31/07/2018 às 10h02

Já está disponível a lista dos candidatos pré-selecionados para  Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre de 2018. Os estudantes devem acessar o site oficial do programa para conferir o resultado.

O próximo passo agora é concluir a inscrição na Página do Participante até sexta-feira, 3.

 

Encontre sua bolsa de estudos

Fies 2018

Quem pode participar

– estudantes que participaram de uma das edições do Enem a partir de 2010

– estudantes que obtiveram média igual ou superior a 450 pontos

– não ter zerado a redação

O estudante que não for pré-selecionado na primeira chamada será inscrito por ordem de classificação na lista de espera a fim de preencher as vagas não ocupadas. A modalidade P-FIES não tem lista de espera.

Nessa segunda edição do ano estão sendo oferecidas 155 mil vagas de financiamento, sendo 50 mil com juro zero. Agora, o participante tem ainda a opção de se candidatar a cursos com mensalidade de até R$7 mil ( ou R$ 42 mil por semestre). No primeiro semestre, o teto de financiamento era de R$5 mil.

Além disso, o MEC divulgou também a garantia de um financiamento mínimo por estudando igual a 50% do valor semestral. Confira mais informações aqui!

O conteúdo continua após o anúncio

Logo novo FiesEm 2017, o Ministério da Educação (MEC) mudou as regras para o FIES. Uma das principais novidades é a oferta de 100 mil vagas ( 50 mil para cada semestre) a juro zero para estudantes mais carentes. O novo FIES é um modelo de financiamento estudantil moderno, que divide o programa em duas modalidades.

Na primeira, o novo FIES oferece vagas com juros zero para os estudantes que  tiverem uma renda per capita mensal familiar de até três salários mínimos. Nessa modalidade, o aluno começará a pagar as prestações respeitando o seu limite de renda, fazendo com que os encargos a serem pagos pelos estudantes diminuam consideravelmente.

A outra modalidade de financiamento (P-Fies) é para estudantes com renda familiar de até cinco salários mínimos. Ela funciona com recursos dos Fundos Constitucionais e de Desenvolvimento –  o agente financeiro é o banco.

Leia também:

Encceja divulga locais da prova de 2018

Edital do Pism é divulgado e oferece 2.323 vagas para 2019

20 anos de Enem: O que mudou?

 

Bolsas de estudo

Cursar uma graduação ficou ainda mais fácil com o apoio de projetos de financiamentos estudantis. Um desses programas é o Tô de Bolsa. Ele oferece bolsas de estudo de até 60% de desconto nas mensalidades durante toda graduação, sem a necessidade de renovação do financiamento.  

Aproveite o segundo semestre e garanta a sua bolsa. Quer saber mais? Clique aqui e comece a estudar já!

 

Sugira uma pauta!

Qual assunto você gostaria de ler mais aqui? No que mais tem dúvidas? O Caderno do Enem quer saber sobre quais outros temas podemos escrever que irão ajudar nos seus estudos. Mande a sua sugestão de pauta para [email protected]

Tópicos:

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail





Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia