Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / chuva / polícia / obituário

Saiba o que fazer com a sua nota no Enem 2017

A partir do dia 19 de Janeiro de 2018, as notas do Enem estarão disponíveis para consulta no portal do Inep e poderão ser utilizadas nos programas de educação superior do MEC. Saiba mais sobre eles e conheça o que se encaixa melhor pra você.

Por Louise Vianello

29/11/2017 às 12h26- Atualizada 29/11/2017 às 13h05

Depois de passadas as provas do Enem 2017 e divulgados o gabarito oficial do Exame Nacional do Ensino Médio pelo Inep, é normal  que os estudantes que fizeram a prova fiquem bastante ansiosos. É hora de analisar se o tempo investido nos estudos para a prova, foi o suficiente para obter o resultado desejado.


A partir do dia 19 de Janeiro de 2018, as notas do Enem estarão disponíveis para consulta no portal do Inep e poderão ser utilizadas nos programas de educação superior do MEC, que garantem o acesso a universidades federais, além de bolsas e financiamentos em cursos de faculdades particulares.

A boa notícia é que há opções para acalmar um pouco os ânimos até lá.  Uma boa maneira de ocupar o tempo enquanto os resultados não saem é conhecer melhor como funciona cada um desses programas. Vamos lá?

Sistema de Seleção Unificada (Sisu)

O Sisu distribui vagas em universidades públicas por todo o país. Para participar, basta ter tirado nota maior que zero na redação (porém, quanto mais alta a nota, maior a chance de passar). O processo seletivo do Sisu abre logo depois do resultado do Enem e dura menos de uma semana. Fique atento!

Programa Universidade para Todos (ProUni)

O conteúdo continua após o anúncio

O ProUni é direcionado a estudantes que buscam bolsas de estudos parciais e integrais em faculdades particulares em todo o Brasil. Para participar é preciso ter feito o Enem 2017 com desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação. O candidato também precisará, obrigatoriamente, atender aos critérios de renda e escolaridade definidos pelo governo federal. As inscrições para o ProUni 2018 começam pouco depois do encerramento para a seleção do Sisu.

Fundo de financiamento estudantil (FIES)

O FIES é um financiamento a juros baixos e prazo de pagamento facilitado, que só começa a contar depois da conclusão do curso. Pode concorrer quem fez qualquer edição do Enem a partir de 2010 e obteve desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas, sem ter zerado a redação. Também é necessário atender a certos critérios de renda familiar. O processo seletivo do FIES acontece assim que sair o resultado do ProUni, entre final de Janeiro e a primeira quinzena de Fevereiro.

Ingresso direto

Com o resultado do Enem em mãos , é possível concorrer a vagas em faculdades particulares sem a necessidade de fazer o vestibular da instituição. Basta informar a nota em cada uma das provas do Enem e, caso tenha pontuação mínima necessária, fazer a matrícula. O período das inscrições varia de acordo com a faculdade escolhida.

Programa Tô de Bolsa

O Tô de Bolsa é um programa de bolsas de estudo destinado ao público Pré-Universitário quem tem a intenção de cursar o ensino superior em instituições de alta credibilidade a um preço acessível. Ele oferece bolsas de estudo a preços que acessíveis, podem chegar até a 60% de desconto. Vale a pena conferir!

Agora que você já sabe que enquanto espera o resultado oficial do Enem há muito o que fazer, não perca mais tempo. Estude os programas, saiba mais sobre cada um deles e começa a planejar o seu futuro.



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia