Tópicos em alta: matheus goldoni / CPI dos ônibus / polícia / bolsonaro / reforma da previdência

Como funciona o ProUni?

Os estudantes interessados em participar do ProUni do 2º semestre de 2018 poderão se candidatar a uma das mais de 170 mil vagas abertas pelo programa a partir desta terça-feira, 26 Tire suas dúvidas aqui sobre como funciona o programa.

Por Caderno Educação

25/06/2018 às 11h07- Atualizada 26/06/2018 às 14h59

As inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) do segundo semestre de 2018 abrem amanhã, 26, Assim como vários outros programas, o ProUni utiliza a nota do Enem para oferecer bolsas de estudo integrais e parciais, em instituições particulares de ensino superior.

Para que você não tenha dúvidas na hora, separamos aqui algumas informações importantes sobre o programa.

O que é o ProUni?

É um programa do Ministério da Educação que oferece bolsas de estudo integrais e parciais (50%) em instituições particulares de educação superior, a estudantes sem diploma de nível superior.

Quem pode participar?

– Estudantes que obtiveram uma nota mínima de 450 pontos na prova do Enem de 2017 e não zeraram a redação.

– Ter cursado o ensino médio completo na rede pública ou como bolsista integral na rede privada.

– Não ter o curso superior.

–  Alunos que fizeram parte do ensino médio na rede pública e a outra parte na rede privada na condição de bolsista ou que sejam deficientes físicos ou professores da rede pública.

Para se candidatar a

Bolsas integrais: o estudante precisa ter uma renda familiar per capita de até um salário mínimo;

Bolsas parciais de 50%: são destinadas aos alunos que têm uma renda familiar per capita de até três salários mínimos. Caso a pessoa não tenha condições financeiras de arcar com a outra metade do valor da mensalidade, pode-se utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

 

Leia também:

Estão abertas as matrículas para o Sisu do 2º semestre

O conteúdo continua após o anúncio

Vagas para o ProUni já podem ser consultadas

Fies aumenta limite de mensalidade para financiamento

De olho na nota!

No período de inscrições, o MEC divulga diariamente uma parcial da nota de corte. Essa parcial reflete a menor nota para ingresso de acordo com a quantidade de alunos inscritos no dia anterior. Essa pontuação pode mudar a cada dia.

Para fazer a inscrição no ProUni o estudante deve informar o número de inscrição no Enem 2017 e a senha mais atual cadastrada no Enem.

 

Posso trocar de curso até quando?

Durante o período de inscrições, se você mudar de ideia pode trocar de curso. O mesmo vale se você perceber que sua nota está muito abaixo da nota de corte. No caso, para a essa edição do segundo semestre de 2018, o candidato tem até às 23h59 do dia 29 de junho para alterar as informações, mas o que vale é a última modificação salva pelo sistema. Por isso, não deixe para a última hora!

A partir de amanhã, 174.289 vagas estarão disponíveis, sendo 68.884 integrais e 105.405 parciais, em 1.460 instituições de ensino superior. Consulte essas vagas aqui!

Resultado 1ª chamada

Será divulgado no dia 2 de julho. Já a segunda chamada está prevista para 16 de julho.

 

Se eu não conseguir entrar pelo Prouni?

Se você não for aprovado em nenhuma das duas chamadas, não se desespere. Você ainda pode conseguir entrar na faculdade pelo Tô de Bolsa.

O Tô de Bolsa é um programa de bolsas de estudo que traz descontos de até 60% nas mensalidades do curso que você escolher, sem a necessidade de renovação do financiamento.  

Aproveite o segundo semestre e garanta a sua bolsa. Quer saber mais? Clique aqui e comece a estudar já!

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia