Tópicos em alta: polícia / chuva

Militâncias de Haddad e Bolsonaro discutem no Calçadão da Halfeld

Polícia Militar foi acionada, mas considerou aglomeração como pacífica

Por Vívia Lima (colaborou Roberta Heluey)

09/10/2018 às 18h51- Atualizada 09/10/2018 às 20h05

Militantes tiveram contato mais acalorado próximo à Galeria Doutor João Beraldo (Foto: Roberta Heluey)

Uma discussão entre pessoas contrárias e a favor de Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL), postulantes ao cargo de presidente da República, foi registrado na tarde desta terça-feira (9), no Calçadão da Rua Halfeld, dois dias após o primeiro turno das eleições. Ecoando gritos de “ele não” e “mito”, militantes tiveram contato mais acalorado próximo à entrada da Galeria Doutor João Beraldo.

De um lado estavam aqueles contrários à eleição do candidato Jair Bolsonaro, grupo composto, em boa parte, por mulheres que gritavam também por “resistência e luta”. O lado oposto era ocupado por pessoas favoráveis ao candidato do PSL e algumas delas empunhavam a bandeira do Brasil. Pedestres que passavam pelo local encorparam a discussão.

O conteúdo continua após o anúncio

Segundo um dos presentes, Diego Oliveira, uma propaganda relacionada a Bolsonaro teria acalorado as discussões. “Estava aqui desde o início, e dois homens começaram a conversar sobre política. Até aí tudo bem. Mas chegou uma galera contra e o pessoal ficou exaltado”, disse ele, explicando sobre o início da aglomeração.

A Polícia Militar esteve no local, afirmando que a aglomeração teve início por volta das 17h45. O movimento, segundo os militares, foi pacífico, e dispensou intervenção. A PM não soube apontar como a discussão teve início.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia