Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / lockdown / vacina / polícia / obituário

Zema afirma que vacinação em Minas começa nesta segunda-feira

Estado de Minas receberá 560 mil doses de vacina contra a Covid-19, após liberação das doses pelo Ministério da Saúde


Por Tribuna

18/01/2021 às 08h57- Atualizada 18/01/2021 às 13h29

O governador Romeu Zema (Novo) afirmou em suas redes sociais, no início da tarde, que Minas Gerais começa a vacinação contra a Covid-19 ainda nesta segunda-feira (18). Ele acompanhou o enviou das doses no Centro de Distribuição do Ministério da Saúde, em São Paulo, e disse que o Estado já terá condição de imunizar o público-alvo da primeira fase: trabalhadores de saúde, pessoas com 75 anos ou mais, pessoas com 60 anos ou mais que estão em asilos e população indígena.

No início da manhã, o ministro da Saúde, general Eduado Pazzuelo, anunciou que a vacinação contra a Covid-19 terá início às 17h desta segunda em todo o país. O comunicado foi feito em Guarulhos (SP), durante o ato simbólico de recebimento de vacinas com os governadores dos estados. No domingo (17), os cinco diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovaram o uso emergencial da Coronavac e da vacina da Oxford no país. Minas Gerais, segundo publicação do governador Romeu Zema (Novo), vai receber, inicialmente, 561 mil doses.

Conforme a Agência Brasil, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e governadores dos estados estão no Centro de Distribuição Logística do Ministério da Saúde, em Guarulhos (SP), de onde partirá a carga de cerca de 44 toneladas. Zema garantiu que a imunização começa assim que as vacinas chegarem ao Estado. Não foi informado quais municípios recebem as primeiras doses e nem as quantidades.

O conteúdo continua após o anúncio

De acordo com o Ministério da Defesa, o transporte das seis milhões de doses da vacina do Instituto Butantan será feito por aeronaves da Força Aérea Brasileira. A Agência Brasil informou que a logística de distribuição das vacinas será realizada por aviões e caminhões, compondo estes últimos uma frota de 100 veículos com áreas de carga refrigeradas, que até o final de janeiro aumentarão em mais 50. Toda frota possui sistema de rastreamento e bloqueio via satélite.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia