Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Juiz-forano acerta com o JEC Krona no futsal

Aos 16 anos, Luiz Felipe Reis defenderá o sub-17 de uma das principais equipes do país na modalidade


Por Bruno Kaehler

28/02/2020 às 20h50- Atualizada 28/02/2020 às 22h03

Luiz Felipe foi campeão nos Estados Unidos pelo Alianza JPS FC (Foto: Reprodução Instagram)

O ala-fixo Luiz Felipe Reis, 16 anos, é o mais novo atleta do JEC Krona, equipe catarinense considerada uma das mais fortes do país no futsal. O juiz-forano já está em Joinville, Santa Catarina, treinando com os novos companheiros em passo importante de sua carreira nas quadras. “Para mim, sem dúvidas, é um sonho poder jogar em uma das maiores equipes do Brasil. Espero fazer uma excelente temporada aqui”, destaca o jovem à Tribuna.

Ex-Clube Bom Pastor e Sport Club Juiz de Fora, o atleta também acumula experiência nas quadras do exterior. No ano passado, jogando pelo Alianza JPS FC, o jogador levantou o caneco da AAU World Futsal Championship nos Estados Unidos, torneio disputado por jogadores de todo o planeta.
Mas o Víbora, como Luiz Felipe é apelidado no mundo do futsal, recebeu a oportunidade no time catarinense após disputar a competição World Futsal Cup, na Espanha, também em 2019, para o time de Herick Pereira, técnico do sub-17 do JEC Krona. Craque do torneio, ele foi convidado a realizar um teste em janeiro na equipe e acabou aprovado.

O conteúdo continua após o anúncio

O sucesso aos 16 anos já reforça ao juiz-forano a projeção de que seu futuro é nas quadras. “O que me fez tomar a decisão de seguir carreira no futsal foi a paixão pelo esporte. Sempre me dei muito bem e sem dúvidas é o que quero para a minha vida”, comenta.

Prova disso é o próprio apelido. “Alguém inventou isso porque falavam que eu marco muito bem. Brincavam que eu só dava ‘bote’ certeiro, igual de cobra. Aí inventaram de me chamar de víbora”, explica o atleta bem-humorado.

Neste ano, Luiz Felipe terá pela frente importantes compromissos que certamente selarão o futuro do jovem em Santa Catarina, como a disputa do Estadual, assim como a chance de participar da Taça Brasil de Futsal e outras competições regionais.

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia