Tópicos em alta: eleições 2018 / polícia / outubro rosa

Tupi faz a festa e bate o Patrocinense por 3 a 0

Com gols de Tchô, de pênalti, Renato Kayser e Patrick Brey, Carijó dorme fora da zona de rebaixamento

Por Bruno Kaehler

09/02/2018 às 22h02

Tchô abriu o placar logo no início da partida, de pênalti (Foto: Olavo Prazeres)

A situação no Estadual ainda não permite folia, mas o torcedor carijó fez a festa na noite dessa sexta-feira (9), no Estádio Municipal, ao ver o Tupi, com as estreias do volante Léo Salino e de Ricardo Leão como técnico, derrotar o Patrocinense por 3 a 0, com gols de Tchô, Renato Kayser e Patrick Brey. O resultado pela sexta rodada do Campeonato Mineiro tirou o Galo do Z2, agora em nono, com 6 pontos. Público e renda não haviam sido divulgados até por volta das 22h. O Carijó volta a campo no domingo (18) pós-carnaval, quando visita a URT, às 16h, em Patos de Minas.

O conteúdo continua após o anúncio

Os dois primeiros gols saíram no início das etapas. Tchô foi derrubado na área aos 7 minutos do primeiro tempo, o árbitro Emerson de Almeida assinalou pênalti e o próprio camisa 10 abriu o placar ao deslocar o goleiro Neguete na cobrança. Na volta do intervalo foi a vez de Kayser finalizar com força e perfeição após cruzamento de Vitinho, aos 12 minutos. No fim, aos 46, Brey ainda deu números finais ao duelo após completar cruzamento de Kayser.

O Tupi entrou em campo com formação antecipada pela Tribuna, composta por Vilar; Afonso, Mateus, Wellington e Patrick Brey; Leo Costa e Léo Salino (Kalu); Vitinho (Udson), Tchô (Diogo) e Renato Kayser; Reis.antecipada pela Tribuna, composta por Vilar; Afonso, Mateus, Wellington e Patrick Brey; Leo Costa e Léo Salino; Vitinho (Udson), Tchô (Diogo) e Renato Kayser; Reis.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail





Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia