Tópicos em alta: sarampo / CPI dos ônibus / polícia / bolsonaro / reforma da previdência

Cartas a JF: Carta à Princesa, com amor!

Por Tribuna

13/06/2019 às 06h40

Minha querida cidade,

quando o escritor Lindolfo Gomes e o maestro Duque Bicalho compuseram seu hino, citaram no primeiro verso: “Viva a bela Juiz de Fora…”

Então, pergunto, meu amor: qual teria sido a visão para justificar a “bela”? O que era belo na ocasião ainda permanece em você?

“Demos palmas, demos flores, aos encantos da princesa…”, acrescentaram à letra. Quais seriam os encantos para justificarem palmas e flores? Essas mesmas estrofes seriam reescritas hoje pelos seus saudosos autores?

Naquele tempo, querida, havia uma visão de suas ruas bem diferente daquela que temos agora. Imperava na sua maior avenida o antigo Colégio Stella Matutina e a capela. E como fazia bem ao poeta observá-lo inteiro da calçada no outro lado da Rio Branco. Na mesma via, corriam os bondes que seguiam para diversos pontos da cidade. Foi-se o colégio. E com ele a sua capela. E bonde não há mais. Triste ver o lugar hoje e nos lembrar do que existia ali antes.

Assim acontece com tantas outras edificações, minha princesinha.

A Juiz de Fora que inspirou Lindolfo e Bicalho e que bem soube descrever Raquel Jardim em seu “Os anos 40” está desaparecendo. Some aos poucos sob as estruturas de aço que protegem o que restou das fazendas Ribeirão das Rosas e da Tapera. Some de forma ainda veloz ao vermos a resistência heroica dos Grupos Centrais. Desaparece devagar a cada pichação que se faz na desgastada pintura da velha fábrica do Bernardo Mascarenhas na Getúlio Vargas.

O conteúdo continua após o anúncio

Não esquecer o que se perdeu desperta o desejo de preservar o que ainda restou em você, meu bem.

Hei de amá-la mais, ainda que o abandono tenha lhe dado tanto castigo.

LEIA MAIS:

Hei de desejá-la para todo o sempre, mesmo que suas belas lembranças virem somente imagens doloridas na parede.

Obrigado, meu amor, por caminhar comigo!

Com a devoção
Do seu, e tão somente seu,

Vanderlei Tomaz
Historiador

Tópicos: cartas a jf

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia