Confira as novidades de filmes e séries em 2018

Mês de férias reserva lançamentos infantis nas salas de cinema e em plataformas de streaming, além das estreias dos potenciais concorrentes ao Oscar

Por Mauro Morais

09/01/2018 às 07h00 - Atualizada 09/01/2018 às 07h38

cine1 cine2 cine3 cine4 cine5 cine6 cine7 cine8 cine9 cine10 cine11
<
>
''The Post – A guerra secreta''

Para os que estão em descanso, um prato cheio. Para os aficionados com as premiações cinematográficas, um deleite. Para os loucos por séries, um bálsamo. Das animações infantis aos dramas sociais, janeiro está recheado de interessantes filmes e séries, nas salas tradicionais e nas plataformas de streaming. Premiado com o melhor ator de filme dramático para Gary Oldman, na edição deste ano do Globo de Ouro, no último domingo, o filme “O destino de uma nação”, que narra a vida do político britânico Winston Churchill durante a Segunda Guerra Mundial, deve chegar às salas de cinema na próxima quinta (11), junto de “O estrangeiro”, novo filme de Jackie Chan.

Na semana seguinte, estreia o filme “Gaby Estrella”, baseado na série homônima do canal infantil Gloob, a comédia “Correndo atrás de um pai” e o terror “Sobrenatural: A última chave”. Para a última semana de janeiro, dia 25, são esperadas estreias de peso, como a comédia brasileira “A repartição do tempo”, a continuação da saga “Maze Runner: A cura mortal” e o drama “Sem fôlego”, com Juliane Moore.

Cotado ao Oscar, “The Post – A guerra secreta”, também chega às telonas na última quinta de janeiro. Indicado a melhor filme dramático, diretor, ator, atriz, roteiro, trilha sonora no 75º Globo de Ouro, o drama de Steven Spielberg retrata a história de dois editores do “The Washington Post” – Tom Hanks e Meryl Streep – que denunciam um escândalo envolvendo os Estados Unidos e sua estranha atuação na Guerra do Vietnã.

Recém-saídos das salas de cinema, os filmes que entram na plataforma Looke neste mês atendem diferentes públicos, indo da comédia “Chocante”, com o humor de Bruno Mazzeo, ao terror “It – A coisa”, baseado na obra de mesmo nome do escritor de suspense Stephen King. Longeva produção, “Pica-pau”, cuja primeira aparição data dos anos 1940, ganha versão cinematográfica com gráfico arrojado e interação com cenários reais. Controverso, o último filme de Darren Aronofsky, “Mãe!”, também chega à plataforma, narrando um trágico final de semana de um casal que, misteriosamente, recebe diversos convidados em sua casa. Completa o pacote de estreias o nacional “A comédia divina”, no qual Zezé Motta interpreta Deus.

O conteúdo continua após o anúncio

Netflix: humor em altas doses

Ainda que exiba longas de prestígio, como “As sufragistas”, sobre três revolucionárias inglesas do século XX, e “Wishplash: Em busca da perfeição”, vencedor de três estatuetas do Oscar (ator coadjuvante, mixagem e montagem), as estreias de destaque em janeiro no Netflix são produções originais, como a segunda parte da série “Disjointed”, na qual a atriz Kathy Bates interpreta a dona de uma loja de maconha medicinal, e a quarta temporada de “Gracie and Frankie”, que reúne Jane Fonda e Lily Tomlin como duas amigas ligadas pelo romance de seus maridos, que se revelam gays já na maturidade.

Jack Black é um músico polonês envolvido num escandaloso caso de pirâmide financeira no filme baseado numa história real “O rei da polca”, que estreia na próxima sexta (12). Entre os documentários que chegam à maior plataforma de streaming, “Alien Contact: Outer Space” busca evidência da existência de alienígenas e “Yoga – Arquitetura da paz”, acompanha a jornada de dez anos do fotógrafo Michael O’Neill pelo mundo da ioga.
Para os pequenos, o Netflix inclui o sensível “Annie”, sucesso na Broadway transposto para o cinema com a protagonista negra, e reserva a estreia da divertida animação “Trolls: O ritmo continua”, filme da DreamWorks que ganha formato de série, e da animação “Llama llama”, com o animal-título envolvido em aventuras didáticas e coloridas, próprias para crianças e bebês.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia