Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

Juiz de Fora recebe 2,5 mil doses infantis de Pfizer na segunda

Superintendência Regional vai coletar 3.820 unidades para abastecer os 37 municípios da região


Por Tribuna

14/01/2022 às 13h08

Na próxima segunda-feira (17), Juiz de Fora receberá as primeiras 2.530 doses pediátricas da vacina da Pfizer contra a Covid-19. Antes, no sábado (15), a Superintendência Regional de Saúde de Juiz de Fora (SRS-JF) vai coletar 3.820 unidades do imunizante que serão distribuídos para todos os 37 municípios da região na próxima semana. O lote é o primeiro das vacinas que irão atender crianças juiz-foranas de 5 a 11 anos a partir da próxima quinta-feira (20).

De acordo com a SRS-JF, as doses chegarão até a regional na tarde de sábado e serão armazenadas até a manhã de segunda, quando ocorrerá a distribuição dos imunizantes. Na quinta-feira (13), a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) divulgou o calendário previsto para a imunização da nova faixa etária. A intenção do Executivo municipal é iniciar a aplicação pelas crianças de 11 anos, na próxima quinta, e encerrar todo o grupo até o dia 8 de fevereiro.

O conteúdo continua após o anúncio

Apenas de ter divulgado o calendário, a Secretaria de Saúde (SS) da PJF informou, também, que “a manutenção das datas deste calendário dependem da disponibilização das doses do imunizante por parte do Ministério da Saúde (MS)”. Além disso, a pasta municipal informou que o intervalo entre a primeira e a segunda doses, inicialmente, será de oito semanas. “Os locais de vacinação para as crianças serão divulgados posteriormente pela PJF”, afirma, em comunicado. 

De acordo com a Prefeitura, a partir das 8h de sexta-feira os pais e responsáveis pelas crianças poderão realizar o pré-cadastro para a vacinação do novo grupo.

Os comentários nas postagens e os conteúdos dos colunistas não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir comentários que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia