Tópicos em alta: polícia / chuva

Inovação se faz de dentro pra fora

PUBLIEDITORIAL

Unimed Juiz de Fora lança,em breve,a primeira fase de seu aplicativo para celular, que é resultante de um desafiador projeto de mudança instigado pela humanização dos negócios na era pós-digital

Por Unimed Juiz de Fora

07/10/2018 às 07h00- Atualizada 08/10/2018 às 13h36

“E te prometo ser fiel na saúde e na doença”. A frase que traduz a maturidade dos relacionamentos bem pode ser usada para explicar a nova investida da Unimed Juiz de Fora que, em breve, lança a primeira versão de seu aplicativo de celulares para se relacionar com os clientes. Mais que uma ferramenta, a novidade evidencia o fortalecimento das relações humanas na era pós-digital, em que a tecnologia é usada para dar escala a um novo jeito de operar centrado nas necessidades individuais no tempo exato em que elas acontecem. Fruto de uma grande mudança interna ancorada no conceito de que inovação é feita por gente, em um processo que se dá de dentro para fora, o app é mais uma estratégia para compor as ações que consolidam a mudança para o disruptivo modelo de atenção baseado na promoção da saúde e na prevenção de doenças, adotado pela cooperativa desde 2005.

Ações da Campanha “Mude 1 hábito” mobilizaram a loja com orientações nutricionais, distribuição de alimentos orgânicos e desafio de spinning, sem contar o encontro com idosos do Espaço Viver Bem (Foto: Divulgação)

Para chegar à essa abordagem, inclusive digital, que favorece uma relação cada vez mais humana e próxima com o cliente, a Unimed tem feito grandes transformações em seu modelo de gestão. A principal delas está relacionada à gestão de pessoas. “O que estamos colhendo são frutos do que vem sendo plantado. Relações mais fortes e autogeradas com engajamento para a proposta de valor que a cooperativa apresenta ao mercado. O exercício do protagonismo individual de cada um dos nossos colaboradores tem gerado resultados incríveis em alcance e em ideias inovadoras, a exemplo do nosso aplicativo, criando um marco importante nessa transição para o autocuidado apoiado por um gerenciamento ativo”, explica o diretor Administrativo e Financeiro, Darlam Kneipp.

O princípio que serve de base para a transformação é simples. Somente pessoas que desenvolvem um profundo autoconhecimento são capazes de se engajar verdadeira e estrategicamente aos propósitos de longo prazo de uma organização. Promover, porém, uma mudança dessa proporção que inclui a quebra de barreiras internas para aproximar pessoas e facilitar processos, desconstruindo mapas mentais habituados a um jeito ultrapassado não é nada simples, observa a gerente de Pessoas, Bruna Resende.

Foto: Divulgação

“Essa mudança está sendo realizada intensamente da forma que acreditamos que toda mudança de sucesso deve ser, de dentro pra fora. E aos poucos, estamos deixando que o ambiente externo reflita o interno. O maior desafio que encaro é o comportamental. Aceitar e deixar claro que nessa era pós-digital as tecnologias são base para o protagonismo das pessoas, inclusive o meu, no papel de diretor”, confessa Darlam.

Focada nas premissas da era pós-digital, a mudança que está sacudindo a cooperativa tem como objetivo garantir uma operação mais líquida, fluida, em que as relações de hierarquia são substituídas pela atuação em rede, o lucro cede espaço ao propósito, o controle em excesso à autogestão colaborativa e o engessamento de processos abre passagem para mais liberdade de experimentação.

Cliente terá cartão digital e informações sobre saúde no app

Para garantir mais praticidade e facilidade na utilização dos serviços oferecidos pela Unimed Juiz de Fora, o cliente terá, nesta primeira fase do aplicativo, o cartão virtual que dispensará a apresentação do cartão físico, em plástico, nas consultas médicas, por exemplo. A biometria continuará sendo exigida. O beneficiário também terá a seu alcance informações importantes e confiáveis sobre autocuidado e bem-estar, explica a gerente de Qualidade em Atendimento, Mara Lúcia Ferreira, ao destacar que outros benefícios já estão em preparação para a segunda fase, como pagamento de boletos, extrato de coparticipação, histórico de utilização e guia médico.

Foto: Divulgação

A evolução será gradativa, mas constante, até se chegar ao grande objetivo da aplicação que é o cuidado ativo ao paciente em qualquer lugar que esteja,agindo diretamente na promoção da saúde, para favorecer o modelo de atenção centrado no paciente. O aplicativo, será também um novo e ágil canal de relacionamento com a Unimed, para dar suporte às ações do Comitê de Análise das Manifestações dos Clientes. Instrumento criado há dois anos que acolhe, processa e auxilia na resolução das demandas dos beneficiários. “Eles falam, a gente escuta. Muitas mudanças já foram feitas a partir da colaboração valiosa dos clientes,” observa Mara.

“Acreditamos que para cuidar é preciso estar sempre por perto, acessível todo o tempo. Esse jeito de cuidar Unimed é mesmo muito especial. Tem o foco do cliente, da percepção do que realmente importa para ele. É claro que investimos em tecnologias, em novas ferramentas de comunicação, canais digitais, mais conforto e comodidade para facilitar o relacionamento, mas não abrimos mão, principalmente, da humanização no contato. Preparamos pessoas para lidar com pessoas, e essa proximidade não se perde aqui. É essa presença que também nos diferencia”, sintetiza o diretor de Relacionamento e Mercado, Glauco Araújo.

“Com o aplicativo, a Unimed se apropria dos recursos tecnológicos disponíveis para fortalecer seu ecossistema de saúde, integrando o cliente cada vez mais por meio de uma estratégia de relacionamento próxima e acolhedora, facilitando o acesso aos serviços de ponta que oferece, como o Espaço Viver Bem, voltado à promoção da saúde. Iniciativa que disponibiliza cuidados personalizados e que se soma ao SOS Unimed,à Unidade de Cuidados Continuados (UCC), ao Núcleo de Atenção à Saúde (NAU), ao Unimed Pleno, à Atenção Domiciliar e ao novo hospital para garantir o cuidado integral, na saúde e na doença, visando melhor qualidade de vida”, completa o presidente, Hugo Borges.

Campanha ‘Mude 1 hábito’ ganha reforço com aplicativo

Pesquisa feita nos Estados Unidos revela que 40% de tudo que uma pessoa faz no seu dia a dia não são decisões de fato, mas repetições de hábitos que foram se solidificando. “É exatamente para agir na programação mental e desconstruir velhos padrões, que a Unimed Juiz de Fora tem investido em ações para despertar todos que são impactados por ela na adoção de hábitos mais saudáveis. A princípio com informações confiáveis e, posteriormente com o cuidado apoiado, o aplicativo contribuirá para ampliar a campanha “Mude 1 hábito” que encoraja a mudança, a partir de metas possíveis, respeitando o ritmo de cada um”, observa a diretora de Provimento de Saúde, Nathércia Abrão.

Unimed se vale da tecnologia, para humanizar o relacionamento com o cliente, oferecendo praticidade no contato para estimular o protagonismo no cuidado à saúde

Na última semana, inclusive, a cooperativa promoveu um encontro com um grupo de clientes atendidos pelo Espaço Viver Bem, para marcar o Dia do Idoso, celebrado em 1º de outubro, com o propósito de estimular o protagonismo e reforçar as medidas relacionadas ao autocuidado apoiado. Neste modelo de atenção, o paciente ocupa o espaço central e tem à sua disposição uma linha completa de serviços e profissionais para auxiliá-lo na organização e condução de suas necessidades de saúde.

As ações da campanha “Mude 1 hábito” também mexeram, literalmente, com os clientes na loja da Unimed, ponto de contato onde circulam centenas de pessoas diariamente. Para aproveitar o espaço privilegiado de integração direta, a cooperativa promoveu, na véspera da celebração do Dia Mundial do Coração, um desafio de spinning, para incentivar a prática da atividade física como importante medida na prevenção das doenças cardiovasculares.
Dias antes, a loja já tinha abrigado uma feirinha de produtos orgânicos. Nutricionistas do Espaço Viver Bem passaram o dia conversando com os clientes sobre alimentação e mudança de hábitos. Depois de esclarecer dúvidas, levar boas dicas e itens da feira para casa, os clientes ainda concorreram a uma cesta de produtos orgânicos da Fazenda Reserva.Afinal, dieta equilibrada e atividade física são dois ingredientes simples, mas indispensáveis para quem não abre mão de viver com qualidade.

Tópicos: saúde

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia