Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

Falta de microchips obriga Toyota a reduzir a produção de veículos

Montadora considera o uso de substitutos, quando possível, a fim de se antecipar ao problema atual


Por Dow Jones Newswires (Agência Estado)

18/01/2022 às 18h12

A Toyota informou que sua previsão para produção de veículos no ano fiscal que termina em 31 de março “deve ser menor que a projeção anterior de 9 milhões de unidades”, por causa das dificuldades de conseguir microchips. A montadora japonesa disse que seu plano de produção para fevereiro deve ser de cerca de 700 mil unidades.

O conteúdo continua após o anúncio

A empresa foi a que mais vendeu carros nos EUA ao longo do último ano. A Toyota afirma em comunicado que a demanda atual é “muito forte”. “Porém, devido ao impacto da demanda continuada por semicondutores em todos os setores, ajustamos nosso plano de produção em cerca de 150 mil unidades globalmente”, afirmou.

A companhia disse que continuará a avaliar a situação das partes de veículos relacionadas aos semicondutores e que considera o uso de substitutos, quando possível, a fim de se antecipar ao problema atual.

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia