Tópicos em alta: coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

UFJF está com 13 vagas abertas para professor substituto

Inscrições são gratuitas e podem ser feitas a partir desta segunda-feira (13)


Por Tribuna

10/09/2021 às 19h06

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) está com 13 vagas abertas para a contratação de professor substituto em seis cursos. Nove vagas são para o campus de Juiz de Fora e quatro para o de Governador Valadares. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas a partir das 14h desta segunda-feira (13) até o próximo dia 22.
O processo seletivo será feito em duas etapas, contendo uma Prova de Memorial de Projeto de Atuação Profissional (PMPAP) e Prova Didática (PD), as duas são eliminatórias e classificatórias. A remuneração dos professores no regime de 40 horas semanais vai de R$ 3.130,85 até R$ 5.831,21. Já o regime de 20 horas semanais tem uma remuneração entre R$ 2.236,32 e R$ 3.522,21. O resultado final deve ser divulgado no dia 19 de outubro.

O conteúdo continua após o anúncio

As nove vagas para Juiz de Fora estão distribuídas entre as faculdades de Educação Física e Desportos (Faefid); Medicina (Famed); Serviço Social; Departamento de Estatística do Instituto de Ciências Exatas (ICE); e Departamento de Filosofia do Instituto de Ciências Humanas (ICH). Para Governador Valadares, são três vagas para o Instituto de Ciências da Vida (departamentos de Ciências Básicas da Vida, Educação Física e Odontologia); e outra para o Departamento de Direito do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas. É oferecida a reserva de 10% das vagas para pessoas com deficiência (PcD).

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia