Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

Autora mineira preserva a história de Tiradentes em álbum-livro

Por Marisa Loures

22/06/2022 às 08h00 - Atualizada 21/06/2022 às 23h49

Em álbum-livro, a educadora patrimonial Avani Fernandes tem a proposta de apresentar a história de  Tiradentes de forma lúdica – Foto Arquivo Pessoal

Apresentar a história da charmosa Tiradentes de uma forma lúdica e agradável. Essa é a intenção da mineira de Barbacena Avani Fátima Fernandes, que lança, nesta quarta-feira (22), às 18h, no Clube Cascatinha, o álbum-livro “Tiradentes, a luz da Inconfidência Mineira” (35 páginas). 

Pedagoga e educadora patrimonial, com mestrado em Ética, Filosofia e Política, Avani traz para a publicação a experiência adquirida em outros trabalhos na mesma área. É de autoria dela os álbuns de figurinha de Juiz de Fora e da vida e obra de Santos Dumont. Ela também participou do projeto do álbum de figurinhas da cidade de Ouro Preto, e é justamente daí que veio a inspiração para a nova obra. Segundo ela, a ideia estava guardada há cerca de 30 anos. 

“Sempre gostei de álbuns. É uma forma concreta de apresentar a história. Ao mesmo tempo que está lendo, você está colando, memorizando de uma forma prazerosa e assim vai criando seu próprio conhecimento”, afirma Avani, explicando que “Tiradentes, a luz da inconfidência mineira” permite ir além da contemplação das imagens. Isso porque é possível conhecer a história do berço de Joaquim José da Silva Xavier não só por meio das figurinhas, mas também através dos textos que as acompanham.

“Quando você está montando o livro, observe que, em todo rodapé, ainda tem uma sugestão de como ir além do que já foi escrito”, ressalta a autora, que, ao fazer pesquisas para a produção do livro, descobriu fatos curiosos a respeito da pequena Tiradentes. Aliás, ela é só elogios para o principal nome da Inconfidência Mineira. “Ele era só visto como um alferes que arrancava dentes, mas, quando nos aprofundamos na história, vemos que tinha grandes conhecimentos em mineralogia, geologia e sempre ia à frente dos caçadores de ouro e via quanto era grande a nossa riqueza, e nada ficava no Brasil. Aí veio a derrama. Agora só lendo o álbum para conhecer o restante da história”. 

O conteúdo continua após o anúncio

“Tiradentes, a luz da Inconfidência Mineira” foi planejado para todos os públicos, garante Avani. E ela ainda destaca que o livro pode ser uma importante fonte de pesquisa nas escolas. “Dependemos das crianças para que a história e a preservação do patrimônio passe de geração em geração.”

 

“Tiradentes, a luz da Inconfidência Mineira” (35 páginas)

Autora: Avani Fátima Fernandes

Lançamento: dia 22 de junho, às 18h, no Clube Cascatinha.

Marisa Loures

Marisa Loures

Marisa Loures é professora de Português e Literatura, jornalista e atriz. No entrelaço da sala de aula, da redação de jornal e do palco, descobriu o laço de conciliação entre suas carreiras: o amor pela palavra.

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia