Tópicos em alta: coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Margarida e setor de eventos chegam a acordo com nova flexibilização

Por Paulo Cesar Magella

08/10/2021 às 17h33 - Atualizada 08/10/2021 às 17h33

Na reunião de sexta-feira, quando a prefeita Margarida Salomão recebeu representantes do setor de eventos, a questão envolvendo o secretário de Turismo, Marcelo do Carmo – autor de uma dura postagem em sua rede social, depois apagada e seguida de um pedido de desculpas – ocupou pouco tempo da agenda. Ele continua no cargo, mas o ponto central foram as medidas anunciadas pela prefeita e contidas numa nota técnica divulgada ainda na sexta-feira:

– Os espaços de eventos poderão atuar com 57% da sua capacidade, a partir de hoje. Sendo alterado, conforme a capacidade de vacinação, até chegarmos a 70% e mudarmos para Etapa 2 do Programa Juiz de Fora Viva.

O conteúdo continua após o anúncio

– Também ficou deliberado que os eventos poderão ser realizados até às 5h da manhã.

– Quanto a questão da obrigatoriedade da vacinação completa nos eventos, ficou acordado que isso será avaliado no Comitê pela Vida, em reunião na próxima semana.

Acompanhada da secretária de Governo, Cidinha Louzada, e do Secretário de Desenvolvimento, coordenador do Programa Juiz de Fora Viva, Ignacio Delgado, a prefeita Margarida Salomão recebeu a vice-presidente do Juiz de Fora Convention & VIsitors Bureau, Thais Lima, o diretor de vventos, Jonas Ribeiro e os empresários Fernando Sotrate (Viva Eventos), Moacyr Siqueira (Danke Club), Alberto Lavinas (Front Produções), Alexandre Silveira (Zine Cultural) e João Mattos (Fátima Buffet).

Paulo Cesar Magella

Paulo Cesar Magella

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia