Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / chuva / polícia / obituário

VoePass pode operar voos na Zona da Mata

Em 2020, companhia firmou parceria com a Gol e se capacitou a assumir as operações no Aeroporto Itamar Franco a partir de março

Por Tribuna

21/02/2021 às 07h00

A Voe Pass, antiga Passaredo, pode operar voos entre a Zona da Mata e São Paulo a partir de março. A expectativa é que a companhia fique responsável pelas operações realizadas pela Gol Linhas Aéreas no Aeroporto Presidente Itamar Franco, localizado entre Goianá e Rio Novo. Desde junho do ano passado, as companhias mantêm parceria na atuação de voos regionais, e estariam interessadas em ampliar o acordo.

Informações de bastidores afirmam que com a mudança, os voos passarão a ser realizados em aeronaves menores. Os equipamentos da VoePass seriam do modelo ATR-72, com capacidade para 70 passageiros. Atualmente, as operações são feitas em boeings 737, que têm 138 assentos. A venda das passagens continuaria sob responsabilidade da Gol.

Os voos seriam realizados aos domingos, segundas, quartas e sextas. O embarque na Zona da Mata ocorreria às 19h25, com chegada prevista às 21h no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos. No sentido inverso, a decolagem seria às 17h25, e o desembarque às 18h55.

Procurada pela Tribuna, as companhias aéreas não confirmaram as informações. A assessoria da Gol declarou, em nota, que “a programação de voos tem ajustes constantes que visam garantir o equilíbrio entre o novo cenário de demanda e a qualidade e amplitude da malha aérea”.

O conteúdo continua após o anúncio

O texto diz, ainda, que caso haja melhora na demanda dos voos operados na Zona da Mata, a empresa “estará pronta para retomar mais frequências”. Por fim, reforçou que “toda a malha está sujeita a alterações, que serão comunicadas pela própria companhia no momento necessário”.

Procurada pela Tribuna, a assessoria da VoePass informou que o assunto deveria ser tratado com a Gol Linhas Aéreas. Já a Concessionária do Aeroporto da Zona da Mata informou que, até o momento, não recebeu a formalização por parte da VoePass. “O nosso posicionamento só poderá acontecer quando a companhia realizar a solicitação de voo.”

Em 2020, companhia firmou parceria com a Gol e se capacitou a assumir as operações no Aeroporto Itamar Franco a partir de março (Foto: Fernando Priamo)

Alterações não constam em sistema da Anac

As informações sobre as mudanças nos voos operados atualmente pela Gol no Aeroporto Presidente Itamar Franco não constam no sistema da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Em consulta feita pela Tribuna na manhã de sexta-feira (19), os voos agendados no terminal ainda apareciam sendo operados pela Gol, em aeronaves do modelo B737.

No sistema, a programação para março é de voos nas segundas, quartas e sextas-feiras. Não aparecem operações aos domingos. A única mudança apresentada é com relação ao horário. A partir do dia 29 de março, os embarques na Zona da Mata estão previstos para 15h10 com chegada em Guarulhos às 16h10. No sentido inverso, o embarque é agendado para 13h30 com pouso às 14h40.

Procurada pela Tribuna, a assessoria da Anac informou que “as empresas aéreas são as responsáveis pela inclusão ou alteração de voo, não cabendo à Anac nenhuma ingerência sobre as operações”.



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia