Tópicos em alta: tiroteio entre polícias / polícia / enem 2018

Eleitores podem solicitar voto em trânsito em Juiz de Fora

A partir desta terça (17), JF está habilitada a receber votos de eleitores de outros domicílios

Por Tribuna

12/07/2018 às 07h00- Atualizada 16/07/2018 às 15h19

 Os eleitores poderão solicitar junto aos cartórios eleitorais, a partir desta terça-feira (17), a transferência temporária de seção eleitoral nas próximas eleições. Até 23 de agosto, os eleitores têm direito à opção pelo voto em trânsito no primeiro turno, no segundo ou em ambos. Além de Belo Horizonte, Juiz de Fora e outros 16 municípios — todos com mais de cem mil habitantes — estão habilitados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) a receber votos de eleitores de outros domicílios.

Em caso de trânsito fora dos estados de origem de seus domicílios eleitorais, os eleitores terão direito de voto apenas ao pleito para a Presidência da República, bem como aqueles registrados em outros países, mas em estadia no Brasil no período eleitoral. No que diz respeito aos eleitores em trânsito nos estados correspondentes aos domicílios originais, o direito ao voto contemplará todos os cargos em disputa — Presidência, governos estaduais, Senado, Câmara e Assembleias Legislativas.

O conteúdo continua após o anúncio

Além de eleitores em trânsito no território nacional, poderão solicitar a transferência temporária detentos em situação provisória e adolescentes em unidades de internação, e eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida. Agentes de segurança pública e guardas municipais em serviço nos dias de realização do pleito também estão aptos a solicitar voto em trânsito.

A partir de 3 de setembro, os eleitores que requisitaram a transferência temporária de seção eleitoral poderão confirmar os locais onde votarão por meio do site ou do aplicativo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Encerrado o pleito, as inscrições temporárias dos eleitores voltam a ser registradas nas seções eleitorais de origem.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia