Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

Thiagus Petrus vence a Champions League de handebol pelo Barcelona

Juiz-forano, que também é atleta da seleção brasileira, foi titular do Barça na conquista de um dos títulos mais importantes do mundo


Por Bruno Kaehler

14/06/2021 às 16h58- Atualizada 14/06/2021 às 17h28

Thiagus (à direita) ao lado do outro brasileiro do Barcelona, Haniel, com a cobiçada taça da Champions (Foto: Reprodução Instagram)

Thiagus Petrus segue levando a bandeira de Juiz de Fora às alturas no handebol. Com a camisa do Barcelona, o atleta conquistou, no domingo (13), o título da Champions League da modalidade em Colônia, Alemanha. O pilar defensivo do time catalão foi titular na decisão vencida por 36 a 23 diante do dinamarquês Aalborg.

Por meio de sua conta no Instagram, Thiagus publicou fotos da conquista, exaltando a representação do Brasil no torneio interclubes mais importante do planeta. Além do juiz-forano, só há mais um brasileiro no elenco barcelonista, o atleta Haniel Langaro, que acabou não sendo relacionado para a final, mas comemorou com Thiagus e os outros companheiros de time.

 

O conteúdo continua após o anúncio
Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Thiagus Petrus Santos (@thiaguspetrus)

Olimpíada próxima

Thiagus é forte candidato a defender a seleção brasileira na Olimpíada de Tóquio, com histórico, inclusive, como capitão do time verde e amarelo. O atleta está entre os 21 nomes convocados pelo técnico Marcus Tatá para treinos e amistosos preparatórios visando os Jogos. Após as últimas avaliações, a lista oficial dos jogadores escolhidos para representar o país no Japão será divulgada com apenas 14 nomes e um suplente.

Os comentários nas postagens e os conteúdos dos colunistas não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir comentários que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia