Tupi inicia Série C com vitória sobre o Tombense

Centroavante Reis marca gol que define triunfo carijó de 1 a 0 na estreia, no Estádio Municipal

Por Bruno Kaehler

14/04/2018 às 18h02

Com gol de centroavante Reis, no finzinho do primeiro tempo, Tupi garante primeiros três pontos na Série C 2018 (Foto: Leonardo Costa)

Se o Campeonato Mineiro foi marcado por recuperação carijó após início de derrotas, o Tupi estreou na Série C do Campeonato Brasileiro de forma oposta. Nesse sábado (14), o Galo bateu o Tombense por 1 a 0 no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em partida com poucas oportunidades de gol e forte marcação. O único tento do duelo foi de autoria do centroavante Reis, aos 46 minutos da primeira etapa.

Uma polêmica ainda marcou a chegada dos torcedores ao palco esportivo. Com abertura dos portões programada para as 15h, a entrada dos carijós só foi permitida pela Policia Militar às 15h25 por efetivo de segurança privada insuficiente.

O Galo volta a campo no próximo sábado (21), pela segunda rodada da competição nacional contra o Bragantino, fora de casa, às 16h.

O Carijó foi escalado pelo técnico Ricardo Leão com Vilar; Rodrigo Dias, Sidimar, Wellington e Udson; Leo Costa e Leo Salino; Vitinho (João Vitor), Thiaguinho (Diego Luis) e Paulinho (João Willian); Reis. Do outro lado, Ramon Menezes levou a equipe de Tombos para campo formada por Darley; David, Wellington, Anderson e Guilherme; PH (Rubens) e Felipe Baiano (Everton Senna); Cassio Ortega (Maycon), Caio Cezar e Anderson Rosa; Daniel Amorim.

O conteúdo continua após o anúncio

Oportunismo
Com jogadas pelas lateras e cruzamentos na área, o Tupi iniciou o duelo com as linhas altas, assustando os defensores rivais mesmo sem chutes à meta. As finalizações não ocorreram até o último terço da primeira etapa. O duelo teve superioridade da marcação das duas equipes sobre os ataques oponentes.

Referência ofensiva do Galo, Reis pouco recebia a bola, mas a partir dos 33 minutos se tornou protagonista da partida. Além de quase marcar na primeira finalização carijó, aos 45, ele fez o pivô e tocou para Udson entrar na área pela esquerda, cair no gramado e pedir pênalti não marcado. Quando o 0 a 0 parecia definido até o intervalo, Udson cobrou lateral na área, Salino cabeceou no ângulo direito de Darley, que realizou grande defesa. No rebote, a bola sobrou para Reis, livre, empurrar para o fundo das redes.

Vilar seguro e defesa invicta
Suportar os avanços do Tombense e contra-atacar com velocidade pelos lados. Na prática, esta foi a estratégia adotada pelo Tupi com o 1 a 0 no placar. O Galo chegou a ameaçar o adversário aos 11, em contragolpe pela direita com Rodrigo Dias, cruzamento para Reis e antecipação de defensor para evitar o segundo gol alvinegro. Mas o maior volume ofensivo era visitante.

Aos 25, Everton Senna fez jogada individual na área e finalizou de direita, cruzado e rasteiro, para grande defesa de Vilar. O goleiro carijó seria novamente exigido, mas sempre com segurança. Com maior posse de bola, o time de Tombos buscou espaços durante todo o resto do confronto, mas as poucas sobras que encontraram não foram transformadas em perigo à bem posicionada defesa carijó até o apito final.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia