Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / chuva / blogs e colunas / obituário / polícia

Polícia Civil prende suspeito de tráfico de animais e de maus-tratos

Prisão foi realizada no momento em que o investigado recebia uma encomenda postal, contendo duas iguanas vivas

Por Tribuna

31/07/2020 às 18h44- Atualizada 31/07/2020 às 18h56

Os animais foram encontrados presos em uma fita crepe e resgatados por policiais civis (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Um jovem, de 21 anos, foi preso pela Polícia Civil suspeito de tráfico de animais silvestres e de maus-tratos, no Bairro Santa Cruz, Zona Norte, nesta sexta-feira (31). A prisão contra o rapaz também foi efetivada por posse de drogas para consumo pessoal. A ação foi realizada no momento em que o investigado recebia uma encomenda postal, contendo duas iguanas vivas no interior da embalagem.

Conforme a Polícia Civil, durante a execução da captura, também foram localizadas uma réplica de pistola e porções de maconha e de anabolizante, na residência do suspeito. Os animais foram encontrados presos em uma fita crepe e resgatados por policiais civis do Núcleo de Atendimento às Ocorrências de Maus-tratos a Animais e do Núcleo de Acervo Cartorário da 1ª Delegacia Regional de Juiz de Fora. Os bichos estariam nessa situação há cerca de dois dias, durante transporte pelos Correios.

De acordo com informações do delegado Samuel Neri, que responde pelo Núcleo, a ação foi efetuada, após investigação. “Inclusive com troca de informações com o Departamento de Meio Ambiente, em Belo Horizonte. As apurações realizadas acerca de tráfico interestadual de animais, de espécie silvestre, resultaram na prisão do destinatário da encomenda, ou seja, daquele que seria o suspeito de ter encomendado os animais”, concluiu, explicando que a investigação segue em andamento.

O conteúdo continua após o anúncio

Ainda segundo o delegado, o jovem foi conduzido à Delegacia e autuado, devendo responder em liberdade pelos crimes, tendo em vista a pena dos delitos. Já os animais foram encaminhados ao Ibama.



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia