Tópicos em alta: coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Idosos a partir de 70 anos recebem 3ª dose a partir de segunda em JF

Reforço será aplicado naqueles que já receberam duas doses do imunizante há mais de seis meses


Por Carolina Leonel

17/09/2021 às 17h06

A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) informou que, a partir da próxima segunda-feira (20), começará a aplicação da dose de reforço nos idosos com 70 anos ou mais e que já tenham tomado as duas doses da vacina contra a Covid-19 há mais de seis meses. Conforme a Prefeitura, a terceira dose estará disponível nas dez Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de referência, das 8h às 11h e das 13h às 16h, além do Departamento de Saúde do Idoso (DSI), das 8h às 16h. Às quintas-feiras as UBSs realizam a vacinação em horário diferenciado, das 8h às 11h e das 13h às 14h. Até então, o Município estava aplicando a terceira dose em idosos com 85 anos ou mais.

Para receber a vacina de reforço contra o coronavírus, o idoso deve apresentar, em um destes locais de imunização, o cartão de vacina comprovando o recebimento da segunda dose há pelo menos seis meses e um documento original com foto, como documento de identidade (RG) ou carteira de motorista (CNH).

O conteúdo continua após o anúncio

Endereços dos locais de aplicação da dose de reforço

– Departamento de Saúde do Idoso: Rua Batista de Oliveira, 943, Granbery

UBSs:

UBS Bairro Nossa Senhora de Lourdes: Rua Inácio Gama, 813
UBS Benfica, Rua Guararapes: 106
UBS Nossa Senhora Aparecida: Rua Nossa Senhora Aparecida, 775
UBS Santa Luzia: Rua Torreões, s/nº
UBS São Pedro: Rua João Lourenço Kelmer, 1.433
UBS Vila Ideal: Avenida Francisco Valadares, 1.910
UBS Milho Branco: Rua Nicolau Schuery, s/nº
UBS Progresso: Rua Jorge Knopp, nº 119
UBS Santa Cecília: Rua Gabriel Rodrigues, nº 900
UBS Bandeirantes: Rua Laurindo Nocelli, nº 100

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia