Tópicos em alta: cartas a jf / sergio moro / dengue / polícia

Ansal se une a moradores do Granjas Triunfo para melhorar as condições das ruas do bairro

PUBLIEDITORIAL

Ação faz parte da política de aproximação da empresa junto aos usuários do transporte público

Por Ansal

30/03/2019 às 17h08

Parceria entre empresa e moradores pretende tapar os buracos das ruas do bairro (Fotos: Divulgação)

A política de aproximação da Ansal com seus passageiros resultou numa ação efetiva entre a empresa de ônibus e a comunidade do Bairro Granjas Triunfo, na Zona Noroeste de Juiz de Fora. A quantidade de buracos nas ruas do local sempre foi uma reclamação constante dos moradores nas reuniões promovidas pela empresa com a comunidade. Por causa das condições das vias, o ônibus que atende o bairro tem sofrido alguns atrasos no cumprimento do horário. “Quando chove muito, fica quase impossível chegar até o ponto final. Além disso, por causa dos buracos, o trajeto é feito numa velocidade muito baixa, o que torna a viagem mais demorada e prejudica o atendimento aos passageiros”, informa o gerente de operações, Rodrigo Mello, que ressalta ainda o desgaste dos componentes mecânicos dos veículos que circulam nessas ruas com muitos buracos. O debate sobre o tema uniu a comunidade que, com o apoio da Ansal, decidiu realizar um mutirão para tapar os buracos. A empresa doou uma parte do material, e os moradores se dispuseram a colocar a mão na massa. A ação foi programada para este fim de semana.

“Vamos fazer toda a obra com carrinho de mão para distribuir o material e enxada. Não vai ser revestimento total da superfície, apenas remendos nos buracos existentes, que não são poucos”, relata João Eudes, membro da diretoria da Associação de Moradores do Bairro Granjas Triunfo. Ele prevê a adesão de boa parte dos moradores na ação. “Homem ou mulher, todo mundo demonstrou boa vontade em ajudar.”

Material doado pela Ansal foi enviado ao Bairro Granjas Triunfo na última quinta-feira

O aposentado Paulo Luiz Frizzero, 75 anos, é um dos voluntários. Ele defende o mutirão como forma de melhorar a qualidade do transporte. “O que precisar fazer eu faço. Vou trazer a esposa e os filhos para aumentar a mão de obra.” O servidor público Daniel Silva, 64, também estava animado. “Me coloquei à disposição, se precisar carregar carrinho de mão, enxada, eu vou carregar. Minha filha vai ajudar e até meu netinho de 4 anos vai participar simbolicamente.”
A turismóloga Lidia Aguiar, 58, foi uma das moradoras que teve a iniciativa do mutirão. “O problema da estrada está seríssimo. Levamos um ofício para todos os vereadores e para a Ansal, e fomos muito bem recebidos.”

 

Lídia e João Eudes (de branco) relataram ao Gerente de Operações da Ansal, Rodrigo Mello, os problemas enfrentados pelos moradores por causa dos buracos

Estratégia de aproximação

Como estratégia de aproximação e buscando maior nível de satisfação com o serviço prestado, a Ansal iniciou, no final de 2018, uma série de reuniões com as lideranças comunitárias dos bairros atendidos pela empresa. Conforme o gerente-geral, Rodrigo Reis, desde então, a companhia vem ouvindo os moradores e tentando atender, na medida do possível, algumas demandas levantadas por eles. As reivindicações vão desde o ajuste em quadro de horários, que são repassados à Settra para análise, até a contribuição em pequenas obras, como a solicitação feita pela associação do Granjas Triunfo. “O líder do bairro programou o mutirão para tapar os buracos e solicitou o apoio da Ansal, que contribuiu com parte do material e cedeu um caminhão para levá-lo até o local”, informou Reis. “Infelizmente, não conseguimos ajudar todas as frentes que gostaríamos, porém, quando está ao nosso alcance, tentamos dar suporte. É para o bem da comunidade, e a empresa também utiliza a via”, afirmou o gerente-geral.

João Eudes declarou que a comunidade ficou satisfeita com a parceria. “A Ansal faz parte do nosso dia a dia, é a responsável pelo único ônibus que nos atende aqui. Tivemos uma receptividade muito boa por parte da empresa, em especial do Mello (Rodrigo Mello, gerente de operações), que nos deu muita atenção.”

Mello, que na última quinta-feira esteve presente no bairro para entregar o material aos moradores, disse que trabalhar em parceria com a comunidade é o objetivo da Ansal. “O intuito da empresa é sempre ajudar naquilo que a comunidade se propõe a fazer pelo bairro. É gratificante para nós poder participar desta ação que uniu todos os moradores. A empresa está aqui todos os dias ajudando a transportar centenas de pessoas que vivem neste local. Poder estar junto delas, contribuindo para eliminar os problemas, é uma satisfação. O casamento entre a comunidade e a empresa que atua dentro do bairro deve ser saudável, forte, transparente e duradouro.”

 

 

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail





Desenvolvido por Grupo Emedia