Tópicos em alta: cartas a jf / onça-pintada / dengue / polícia

Esquadria de PVC: a nova opção para quem busca conforto térmico e acústico

PUBLIEDITORIAL

Utilizada na Europa e nos EUA há mais de 30 anos, Esquadria de PVC agora é realidade no Brasil e, melhor, fabricada em Juiz de Fora

Por Belvedere Vidros e Esquadrias

11/05/2019 às 16h40- Atualizada 11/05/2019 às 16h42

O uso da esquadria em PVC, aliado a vidros especiais, reforça o isolamento térmico e acústico (Fotos: Olavo Prazeres)

Pense numa noite de sono tranquila em pleno centro urbano. Parece um sonho? Mas é pura realidade! Graças às esquadrias de PVC, um material versátil que vem ganhando cada vez mais força no ramo da construção civil e arquitetura. Porém o PVC não é somente moda. Ele veio para ficar!

Em Juiz de Fora, por exemplo, diversas residências, edifícios comerciais e hospitalares já investem em portas e janelas com este material aplicado nas aberturas, trazendo mais conforto acústico e térmico. Essas estruturas são fabricadas e instaladas pela Belvedere Vidros e Esquadrias, a primeira fábrica do ramo em Minas Gerais a trazer para a cidade essa tecnologia europeia, que garante alta durabilidade e baixa demanda de manutenção.

“A janela deixou de ser janela há muito tempo. Hoje ela é capaz de proporcionar o isolamento térmico acústico de um ambiente”, destaca o diretor da Belvedere em Juiz de Fora, Ronnie Girardi. Segundo ele, o segredo das esquadrias de PVC está na forma como os perfis são fabricados. No interior das estruturas, existem câmaras de ar e barreiras anguladas que, além de servirem como barreira para a passagem de som, dificultam a troca de calor. “Isto faz com que o PVC se torne um material térmico-isolante, ao contrário do alumínio, que é um condutor térmico e amplificador de som. Outro detalhe está na vedação. Com o alumínio, tudo é feito de forma mecânica, enquanto o PVC é soldado por termofusão, impedindo a entrada de água. Desta forma, as esquadrias de PVC são 100% estanque”, explica.

Belvedere oferece nove opções de cores para as esquadrias em PVC, incluindo tons amadeirados, metalizados e sólidos

O PVC, por si só, já fornece conforto térmico e controle sonoro de alta qualidade, contudo Ronnie recomenda reforçar o efeito isolante, inserindo vidro laminado acústico ou insular refletivo. “Com o vidro adequado, o ambiente se torna ainda mais acústico, ou mais fresco”, comenta. E a junção da esquadria com este tipo de vidro na janela ainda mantém a casa quente por mais tempo durante o inverno e mais fresca durante o verão.

Para quem projeta ambientes, como o arquiteto e urbanista Marcelo Amoroso, as esquadrias de PVC representam, atualmente, a melhor opção para fechamentos de edifícios de qualquer natureza. “Seus benefícios são enormes, principalmente na durabilidade, conservação e limpeza. Também nos surpreende quando o assunto envolve o isolamento acústico, as articulações e as modulações, além das padronagens. Neste ponto, é possível ser feita em até duas cores: uma interna, que combine com a decoração da casa, e uma externa, que valorize o estilo de fachada”, observa. A paleta de cores da Belvedere oferta nove opções de cores, dentre elas tons amadeirados, metalizados e sólidos.

Durabilidade e ótimo desempenho

Os perfis de PVC da Belvedere abrangem as linhas residencial, hoteleira e hospitalar. Conforme Ronnie, é possível confeccionar da janela ou porta simples até um modelo mais elaborado. A empresa oferece as seguintes tipologias: sistema de correr, o mais tradicional no país; sistema maxim-ar, com abertura parcial; sistema pivotante ou de giro; e o oscilo-batente, também conhecido como “de abrir e tombar”, modelo mais utilizado na Europa, que possui mais hermeticidade (proteção contra vazamentos) e a melhor opção para preservação da acústica.
A Belvedere trabalha com perfis de dois tamanhos: 42mm e 60mm. Além disso, a empresa também fabrica persianas integradas – também acústicas – e sistema de automação. “O PVC oferece garantia de dez anos e se enquadra em todas as normas de desempenho, dando mais segurança ao ambiente e ao cliente”, afirma o diretor.

Pioneirismo em PVC

A história da Belvedere começou em 2017, sete anos depois de sua existência como Engetek, que tinha como foco a fabricação de vidros temperados. A ideia de trazer para Juiz de Fora as esquadrias de PVC surgiu após a participação da diretoria em uma feira internacional de vidros, em 2015. Desde então, Ronnie começou a pesquisar sobre a tecnologia, que nasceu na Alemanha, no intuito de oferecer soluções mais eficientes no ramo da construção civil não só da cidade como da região e do país.

Com a chegada do maquinário italiano e turco, a Belvedere iniciou suas atividades e se tornou pioneira dentro do segmento em Minas Gerais. Sua fábrica está localizada na BR-040, em Matias Barbosa. Os perfis utilizados pela empresa são desenvolvidos com o sistema Archicentro, reconhecidos nacionalmente por sua excelência, durabilidade superior e desenvolvimento técnico. Desde a sua fundação, a empresa já realizou mais de 50 projetos, entre eles para os hospitais Monte Sinai e São Vicente de Paulo (HTO), Climar IMH, MRS Logística e Fórum de Santos Dumont, além de residências, prédios e obras em andamento nos estados do Rio de Janeiro e Paraná.

Belvedere Vidros e Esquadrias
Ladeira Alexandre Leonel, 1.023, Cascatinha, Juiz de Fora (MG)
Telefone: (32) 3026-1049
[email protected]
Fábrica: BR-040 km 800, Matias Barbosa (MG)

 

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail





Desenvolvido por Grupo Emedia