Tópicos em alta: CPI dos ônibus / polícia / fé na estrada / reforma da previdência / bolsonaro

UFJF amplia para 30 o número de vagas para concurso

Nova oportunidade é para o cargo de técnico na área de tecnologia da informação, para o campus de Governador Valadares

Por Tribuna

13/08/2019 às 19h50- Atualizada 13/08/2019 às 21h17

O número de vagas do concurso para técnico-administrativo em educação (TAE) da UFJF foi novamente ampliado, passando de 29 para 30. A nova oportunidade é para o cargo de técnico na área de tecnologia da informação, para o campus de Governador Valadares. Essa é a segunda retificação relacionada ao número de vagas; em 17 de julho, a instituição ampliou a oferta de 21 para 29 oportunidades.

O conteúdo continua após o anúncio

O concurso oferece 18 vagas para o campus juiz-forano, distribuídas entre os cargos de assistente em administração, que exige nível médio; tradutor intérprete de Linguagem de Sinais, para candidatos com nível médio e proficiência em Libras; e analista de tecnologia da informação e administrador, direcionados aos profissionais graduados nestas áreas. Para o campus de Governador Valadares são ofertadas 12 oportunidades para os cargos de assistente em administração, que exige ensino médio; técnico de tecnologia da informação; analista de tecnologia da informação e médico na área de Medicina da Família e Comunidade, para candidatos com curso superior.

O prazo final para as inscrições do concurso se encerra nesta quinta-feira (15). Interessados deverão se inscrever pelo site da Fundação Cefet Minas. A taxa de inscrição varia de R$ 80 a R$ 120, de acordo com o cargo pretendido. A previsão é de que as provas objetivas de múltipla escolha, exigidas a todos os cargos, sejam aplicadas no dia 15 de setembro em Juiz de Fora e Governador Valadares.

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia