Tópicos em alta: delivery jf / eleições 2020 / coronavírus / greve / polícia

Crescimento do mercado imobiliário: como foi em 2019

Crescimento imobiliário no Brasil em 2019, como ficou o fechamento do ano? Veja o que aponta os dados da Câmara Brasileira da Indústria da Construção.

Por Equipe Rede Tribuna

03/03/2020 às 17h28 - Atualizada 18/03/2020 às 15h20

Como ficou o Crescimento do mercado imobiliário em 2019? O número de vendas de imóveis residenciais novos cresceu 9,7% no último ano, conforme o estudo Indicadores Imobiliários Nacionais do quarto trimestre de 2019, divulgado nesta segunda-feira (2) pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC).

O resultado anual é o melhor em números absolutos desde 2016, quando o estudo passou a ser feito em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Nacional (Senai). Embora o salto entre os anos anteriores tenha sido maior, o número de 130.434 unidades residenciais novas vendidas é o maior em quatro anos. Em 2018, por exemplo, o número foi de 118.893. Os lançamentos imobiliários também apresentaram alta: 15,45%.

Crescimento do mercado imobiliário em 2019

As altas de 2019 foram reforçadas no quarto trimestre, quando os lançamentos de imóveis cresceram 28,3% em relação ao terceiro trimestre e 8,4% frente ao quarto trimestre de 2018. As vendas de outubro, novembro e dezembro de 2019 também cresceram 13,9% quando comparadas às de julho, agosto e setembro do mesmo ano, e 9,7% frente ao mesmo período do ano anterior.

Se analisado somente o crescimento do mercado imobiliário em relação ao número de vendas de imóveis residenciais na Região Sudeste, a alta foi de de 20,2% em relação ao terceiro trimestre anterior (19.978 vendas) e de 8,6% na comparação com o quarto trimestre de 2018 (21.184). Foi registrada elevação também de 19,33% entre todas as vendas nos municípios pesquisados na região, na comparação entre 2018 (62.375) e 2019 (74.435).

O conteúdo continua após o anúncio

A pesquisa levou em consideração os dados de 90 municípios brasileiros, sendo 17 das maiores cidades, como São Paulo, Belém e Porto Alegre, e 73 outros municípios incluídos em dez regiões metropolitanas (RM) de capitais, a exemplo de Aparecida de Goiânia, região metropolitana de Goiânia, em Goiás, e Olinda, região metropolitana de Recife, em Pernambuco.

Anuncie aqui

Minha Casa, Minha Vida

Com uma amostragem de 25 localidades dentre capitais e municípios de regiões metropolitanas, o estudo também analisou a participação do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida nas entregas, aquisições e estoque de imóveis residenciais novos. O programa representou 50,6% dos lançamentos, 45,3% das vendas e 41,9% da oferta final total de casas e apartamentos.

Como aproveitar o crescimento do mercado imobiliário?

Para as imobiliárias e construtoras este é o momento ideal para concretizar ações de crescimento de marca. Sabendo do momento favorável que o mercado apresenta, colocar em prática todo o planejamento de divulgação e de expansão é necessário. Por isso vale a pena investir em ações de marketing mais fortes e mais certeiras para alcançar o público certo.

Nesse sentido, sabendo que o crescimento do mercado imobiliário pode ser favorável para a sua empresa do mesmo ramo, vale a pena conversar com especialistas em estratégias de divulgação de marca para alcançar objetivos concretos e satisfatórios. Para conversar com os especialistas de marca do Grupo Solar e buscar uma estratégia de divulgação de marca conjunta, clique aqui e conheça nossos produtos nos quais você pode anunciar.

Colunistas e convidados

Colunistas e convidados

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia