Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

Networking: a arte de promover conexões e colaboração profissional

O networking é uma das melhores maneiras de abrir portas para novas oportunidades e de gerar novos negócios, e por mais orgânico que a ideia pareça, ter claro a importância desses relacionamentos, como eles se dão e quais estratégias podem te ajudar nessa construção.

Por Marcelle Larcher

28/12/2021 às 14h00 - Atualizada 21/12/2021 às 11h22

Você já parou para pensar na importância das conexões em nossas vidas? No âmbito pessoal, estamos sempre cercados de familiares e amigos que estão sempre ali para nos acolher em todos os momentos e compartilhar o melhor e o pior que pode nos acontecer. E na vida profissional, qual é a importância em ter uma boa rede de contatos?

Provavelmente você já ouviu muito a palavra networking por aí, ela está presente em todo checklist de coisas importantes para as nossas carreiras e de fato, é mesmo algo essencial.

O networking é uma das melhores maneiras de abrir portas para novas oportunidades e de gerar novos negócios, e por mais orgânico que a ideia pareça, ter claro a importância desses relacionamentos, como eles se dão e quais estratégias podem te ajudar nessa construção. É sobre isso que vamos tratar hoje.

O que é networking e qual a sua importância?

A palavra networking é oriunda da língua inglesa e podemos entender o seu significado de forma simples como o ato de criar uma rede de contatos. O objetivo dessas conexões é a troca de conhecimento e experiências entre pessoas de diferentes posições, cargos, segmentos, etc. A ideia é de uma rede de colaboração e recíproca entre profissionais.

Muitas pessoas acabam por dividir opiniões sobre o assunto, por terem uma visão de que as relações profissionais são rasas e pautadas em interesses, mas não é sobre isso. Precisamos ter em mente que manter bons relacionamentos é fundamental, e como mencionamos acima a palavra-chave é colaboração. É uma via de mão dupla, onde existem benefícios, trocas de informações e experiências para ambos os lados.

Vamos imaginar um contexto geral acerca de tudo o que fazemos. A todo instante estamos inseridos em atividades e tarefas onde conhecemos muitas pessoas ao decorrer, seja em um curso, uma viagem, na faculdade, no trabalho, direta ou indiretamente estamos sempre nos conectando com pessoas, portanto, o networking nada mais é que ter um olhar estratégico para essas conexões e entender como fortalecê-las e aproveitá-las da melhor forma.

No seu trabalho, por exemplo, com certeza tem pessoas com quem você acaba dividindo mais tempo do que sua própria família, se você estuda, o mesmo acontece com seus colegas de faculdade, se você está sempre viajando a negócios, acontece com aqueles que cruza no caminho… Então você já parou para pensar em como estão essas relações? Na importância delas para sua carreira e negócios?

O conteúdo continua após o anúncio

Vamos destrinchar um pouco esses benefícios do networking:

Benefícios do networking para a carreira

  •   Facilita a construção de uma boa reputação no mercado;
  •   Pode aumentar sua visibilidade junto a lideranças;
  •   Proporciona maior acesso a boas oportunidades de trabalho e a profissionais atuantes em recrutamento;
  •   Gera oportunidades de crescimento profissional;
  •   Aumenta as possibilidades de conhecer pessoas de interesse;
  •   Destaque junto a colegas de sua área e de outras;
  •   Expansão dos conhecimentos, aprimoramento profissional, trocas e insights valiosos.

Benefícios do networking para negócios

  •   Eleva a visibilidade de empresas e marcas;
  •   Dá acesso a oportunidades de negócio, parcerias e clientes;
  •   Facilita o recrutamento de profissionais alinhados à missão e valores da empresa;
  •   Eleva as chances de escalar e expandir o empreendimento;
  •   Mantém o empreendedor bem informado sobre seu mercado de atuação.

Bônus! Networking no ambiente acadêmico

Este é um ponto extremamente relevante de levantarmos aqui, tem uma frase que eu sempre menciono que diz “Nossa vida profissional não começa quando entramos no mercado de trabalho e sim quando entramos na universidade.” Trazendo essa ideia para o contexto de criar relações e fortalecer o seu networking isso faz ainda mais sentido.

O ambiente acadêmico é extremamente propício para começar a estabelecer a sua rede de contatos e é um erro gigante acreditar que as pessoas do seu interesse estão depois disso, quando se está rodeado de professores, colegas de turma (futuros profissionais), convidados, palestrantes, etc. Então a dica é a seguinte: aproveite esse espaço, conecte-se às pessoas que tiver a oportunidade de conhecer através desses espaços e use isso a seu favor! São oportunidades que vão lhe trazer uma maturidade maior para o seu início de carreira, bem como, podem abrir portas importantes.

Mas e então, como fazer networking?

Na teoria tudo parece muito simples e você deve estar se perguntando: como criar essas conexões da forma correta?

O segredo é ser simpático e sorrir mais? Bom, na verdade, é bem mais que isso, existem sim, ações e estratégias para ser assertivo na hora de construir relações e consolidá-las. Confira:

  1. Nada de aparecer somente na hora que precisa de alguma coisa, sua presença deve ser frequente;
  2. Participe de eventos que fazem parte da sua rede de relacionamentos;
  3. Saiba se expressar! Comunique-se de forma clara para que as pessoas compreendam perfeitamente suas intenções;
  4. Exponha objetivos com as pessoas que você tem mais afinidade;
  5. Repertório é fundamental! Leia, consuma conteúdo, seja bem informado;
  6. Compartilhe ideias e convide pessoas para opinar;
  7. Mostre interesse real e verdadeiro pelos outros.

E então, que tal colocar tudo o que aprendeu em prática? Sem dúvidas é algo que fará toda a diferença para os seus objetivos.

Grupo Larch

Grupo Larch

Estratégias, processos, capital humano, tecnologia. Muito mais que uma consultoria empresarial, o Grupo Larch hoje é um parceiro de negócios que contribui para que empresas e seus líderes encarem seus desafios e encontrem os melhores caminhos.

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia