Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / polícia / eleições 2020 / bolsonaro

Das distâncias de ficar em casa

Por Wendell Guiducci

14/04/2020 às 07h00 - Atualizada 13/04/2020 às 13h35

Há uma distância enorme entre ficar isolado dentro de casa com a geladeira abastecida de comida e cerveja e ficar isolado dentro de casa sem geladeira alguma.

Uma distância muito grande entre ficar isolado dentro de um apartamento de duzentos e cinquenta metros quadrados e um puxadinho de quatro por quatro com casinha do lado de fora.

#ficaemcasa com internet de alta velocidade e todos os serviços de streaming à mão – YouTube, Netflix, Amazon Prime, HBO Go, Deezer, Spotify, Apple Music – e todas as redes sociais para lamuriar à vontade é uma coisa. Outra, a uma distância abissal que se perde de vista a hashtag, é o fica em casa com uma velha televisão que não vai além de cinco canais, quem sabe um rádio de pilha que não passa jogo da Seleção de 82 nem reprisa a Copa de 70.

O sacrifício de ficar em casa jogado em sofás e camas e travesseiros e edredons vai anos-luz de distância do sacrifício de ficar em casa com mais quatro ou cinco dividindo o sofá-cama herdado da magnânima patroa.

O conteúdo continua após o anúncio

Há, sufocado leitor, uma distância enorme em ter ao alcance da mão uma pilha de livros para os quais finalmente temos tempo e uma pilha de contas vencidas em outubro de 2019.

E se temos todo o tempo do mundo: ouvir sonolento e melancólico o cair da chuva ou acudir a goteira da telha de amianto com baldes e bacias?

Pois se estamos todos aproximados pela monotonia do presídio que se tornaram os dias, que se sucedem uns iguais aos outros, replicados, distancia-nos o conforto de cada cela.

A este fenômeno denominamos distanciamento social.

Wendell Guiducci

Wendell Guiducci

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia