Tupi apresenta elenco para temporada 2018

Dos 29 já contratados, 27 foram apresentados. O zagueiro Sidimar retorna aos gramados após longa recuperação

Por Júlio Black

05/12/2017 às 07h54

Apresentação foi realizada na sede social do clube na noite desta segunda (4). (Foto: Marcelo Ribeiro)

O Tupi realizou na noite desta segunda-feira (4), em sua sede social, a apresentação oficial do elenco para a temporada 2018. No total, o clube apresentou 27 dos 29 jogadores já contratados, sendo que os dois atletas que não compareceram devem ser anunciados em breve. A base do Tupi para a primeira competição do próximo ano, o Campeonato Mineiro, é marcado pela mescla de jogadores experientes e jovens talentos, segundo o técnico Alexandre Barroso.

Ele explica que procurou, junto com a diretoria, buscar o melhor grupo dentro das atuais limitações financeiras. “Nós queremos unir essa maturidade com a juventude, pois o Campeonato Mineiro é muito curto e precisamos de nomes que entendam a importância de conseguirmos uma boa campanha”, aponta. Ainda que a experiência – e a ideia de que ela venha apenas dos mais velhos – seja o foco, entre os reforços do Tupi tem gente nova com história para contar.

É o caso do atacante Renato Kayser, 21 anos, formado nas categorias de base do Vasco mas que tem passagens pelo Villa Nova – tendo disputado o Mineiro de 2016 pelo clube – e Ferroviária (SP). “Já disputeis campeonatos disputados, difíceis, como o próprio Mineiro, e quero ajudar da melhor maneira possível o Tupi a fazer uma grande campanha este ano”, afirma. “Aqui, assim como na Ferroviária, me receberam de braços abertos. Não fico chateado por não ter voltado para o Vasco, quero apenas seguir em frente.”

Renato aproveita para apontar um fator que acredita importante para o sucesso da equipe: união. “O grupo tem que ser unido, trabalhar junto. Temos muitos jogadores novos aqui, mas se nos unirmos seremos muito felizes. Vou fazer o meu melhor, seja com gols, assistências. O importante é conseguirmos a classificação”, diz Kayser, lembrando que, em sua disposição de ajudar o grupo, chegou a abrir de atuar no ataque pelo Villa Nova para jogar como segundo volante.

O conteúdo continua após o anúncio

Dentre os poucos nomes que já têm história no Tupi, um dos destaques é o zagueiro Sidimar, que retorna aos gramados após uma longa recuperação em decorrência de uma lesão no ligamento cruzado do joelho direito. Ele fez parte de sua recuperação no Atlético Mineiro, depois em casa, e decidiu voltar ao Galo Carijó quando foi procurado pela diretoria do Tupi. “Fui muito feliz aqui em minha passagem, principalmente em 2015, quando conseguimos o acesso à Série B do Brasileiro, o torcedor sempre nos apoiou. Isso ajudou na minha decisão em voltar. Apesar das preocupações, sempre tive confiança de que voltaria a jogar, agora espero ajudar o Tupi a fazer uma boa campanha no Estadual após dois anos em que não fomos tão bem. A expectativa é boa”, diz o zagueiro, que reconhece a qualidade do elenco mas vai lutar para estar entre os titulares para a estreia da equipe no Campeonato Mineiro dia 17 de janeiro, contra o Tupi.

A lista inclui os goleiros Vilar, Alexandre Azizi e Gonçalves; os zagueiros Diogo, Sidimar, Wellington Reis e Arthur Sanches; os laterais direitos Afonso e Rodrigo Dias; o lateral esquerdo Udson; os volantes Léo Costa, Vinícius, Marcel, Kalu e Pará; os meias Chris, Breno, Paulinho e Raphael e os atacantes Patrick, João Vitor, Igor Potiguar, Tiaguinho, Douglas, Reis, Renato Kayser e Rodrigo.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia