Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Funcionários da Capital devem receber amanhã


Por Tribuna

08/04/2015 às 06h00

Os funcionários da Capital Informática Soluções e Serviços, lotados no Centro de Educação à Distância (Cead) da UFJF, devem receber amanhã salários e benefícios referentes a janeiro, conforme informou o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Asseio, Conservação (Sinteac). A última remuneração paga aos funcionários aconteceu em dezembro. Já o pagamento do restante dos vencimentos e das rescisões trabalhistas será acordado em audiência no Ministério Público do Trabalho agendada para quinta.

Segundo o presidente do Sinteac, Sérgio Félix, o acerto foi estabelecido em acordo entre sindicato, UFJF e Capital. Agora, o valor depositado pela universidade em juízo será repassado ao sindicato, para que o mesmo efetue o pagamento. Segundo a instituição, a Capital foi notificada em fevereiro a emitir nota fiscal referente a dezembro, para que seja incluída no montante retido, mas até hoje não deu retorno. “A UFJF já instaurou um processo administrativo visando apurar responsabilidade da empresa no ocorrido e só está esperando o fim do prazo de cinco dias para defesa da empresa, para punir e rescindir o contrato com a Capital”, diz, por nota.

O conteúdo continua após o anúncio

Já o diretor executivo da Capital, André Machado, disse à Tribuna que aguarda a instituição se manifestar sobre a permanência ou não do contrato. Ele afirmou que a empresa disponibilizou todas as faturas pendentes. “Devido a esta situação, a Capital prefere abrir mão de qualquer valor para regularizar a situação junto aos seus funcionários.”

Terralimp

Os funcionários da Terralimp, terceirizada que presta serviços à Prefeitura, também estão sem receber os salários, mesmo após o depósito feito em juízo pela Administração. De acordo com Félix, o prazo de 24 horas estipulado pela Justiça para que a empresa apresentasse a planilha contendo o nome dos funcionários expirou durante a Semana Santa. Porém, segundo o sindicato, a empresa não apresentou a lista, logo, o arquivo foi elaborado pela PJF com base na última relação, de outubro de 2014. “Nesta semana, os valores depositados em juízo pela PJF devem ser repassados para a conta do Sinteac para, então, fazermos o pagamento dos 59 funcionários”, disse. A secretária de Administração e Recursos Humanos, Andreia Goreske, informou que o Município repassou, ao todo, cerca de R$ 700 mil para sanar os atrasados. Segundo Goreske, após a Terralimp notificar os funcionários sobre o aviso prévio, em março, a PJF optou pelo encerramento do contrato. “O departamento jurídico já notificou a empresa. Aguardamos, agora, sua manifestação.”

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia