Tópicos em alta: polícia / chuva

“Pam Pam Tchan!” leva alegria à garotada no Teatro Paschoal Carlos Magno

Os palhaços e a bailarina da Cia Rotunda de Teatro, de Barbacena, passam mensagem de amizade, coragem e esperança

Por Tribuna

10/08/2018 às 07h00

cia-rotunda
Palhaços e bailarina no palco passam mensagem de amizade, coragem e esperança (Foto: Divulgação)

O espetáculo “Pam Pam TCHAN!”, da Cia Rotunda de Teatro, chega a Juiz de Fora para se apresentar na 17ª Campanha de Popularização Teatro & Dança, realizada pela Associação de Produtores de Artes Cênicas de Juiz de Fora e Sinparc. A peça, com texto do juiz-forano Toninho Dutra, acontece no sábado, 11, às 16h, no Teatro Paschoal Carlos Magno. “Começamos a preparar as crianças para olhar o mundo de um jeito diferente, mais poético e lúdico, com mais possibilidades”, destaca Cláudia Valle, diretora da Plataforma Rotunda de Teatro, de Barbacena.

Atores lançam mão de humor, poesia e sensibilidade par contar a história do Circo Pam Pam TCHAN!, cheio de bichos, magia, alegria, luz e cores. Ameaçados com a chegada da TV e a falta de público, a bailarina Mariote (Franciely Freitas) e os dois palhaços Bamba e Lalão (Dayzon Nascimento e Ricardo Ribeiro) comandam o espetáculo. Com a chegada da personagem de Larissa Braga, a vilã Sandova, uma palhaça malvada que viu o circo que levava seu nome falir, os três enfrentam momentos difíceis para impedir suas maldades mas sem perder as esperanças de espalhar a alegria por onde passam.

O conteúdo continua após o anúncio

“O espetáculo mexe com o imaginário infantil, as crianças enxergam bichos reais em cima do palco, e os personagens são muito divertidos. Abordamos amizade, coragem e esperança. É uma história muito sensível e emocionante!”, finaliza Cláudia.

“Pam Pam TCHAN!”
Neste sábado, 11, às 16h, no Teatro Paschoal Carlos Magno (Rua Gilberto de Alencar s/n, Centro)

Receba nossa
Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia