Tópicos em alta: coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Paraibuna Embalagens entrega kits de proteção a catadores de recicláveis

Cooperativas foram contempladas com entrega de materiais, como água sanitária, sabonete, detergente, sabão em barra e álcool em gel


Por Tribuna

14/05/2020 às 16h28

Três cooperativas foram contempladas (Foto: Divulgação)

A Paraibuna Embalagens entregou, esta semana, kits de proteção para três cooperativas de catadores de recicláveis de Juiz de Fora. O objetivo é manter a segurança dos trabalhadores no período de pandemia do novo coronavírus.

A Associação Municipal dos Catadores de Materiais Recicláveis de Juiz de Fora (Ascajuf), Associação Lixo Certo (Alicer) e Associação de Catadores de Papeis e Resíduos Sólidos (Apares) foram contempladas com kits de higiene que incluem água sanitária, sabonete, detergente, sabão em barra, álcool em gel, máscaras e luvas, entre outros.

O conteúdo continua após o anúncio

Com a suspensão de diversos serviços, as cooperativas têm encontrado dificuldade para continuar realizando o trabalho. “Estamos recebendo menos da metade do que a gente ganhava antes. Isso sem falar nos colegas que estão em casa, por que não há trabalho para eles”, desabafa a cooperada da Alicer, Melany Priscila da Silva Vargas.

A presidente da Apares, Flávia Helena Dias da Silva, conta que “essa é a primeira vez que recebemos uma doação só com esses produtos. Não adianta a gente receber só o que comer e não ter materiais para preservar nossa saúde.”

A iniciativa ocorreu quando a Paraibuna entrou em contato com as associações e então deparou-se com uma grande preocupação em relação a saúde e higiene dos profissionais. De acordo com a gerente de Gestão de Pessoas da Paraibuna, Rita Rievert, “os catadores de materiais recicláveis são agentes essenciais para a sociedade e são parte fundamental da nossa cadeia produtiva”.

Tópicos: coronavírus

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Desenvolvido por Grupo Emedia