Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / chuva / polícia / obituário

Impasse entre Governo e Vale atrasa obras no Hospital Regional

Por Paulo Cesar Magella

22/01/2021 às 12h35 - Atualizada 22/01/2021 às 12h35

O impasse entre o Governo de Minas e a Vale do Rio Doce tem repercussão em Juiz de Fora. Até agora, não houve um acordo de indenização por causa da tragédia de Brumadinho, ocorrida no dia 25 de janeiro de 2019, matando 270 pessoas com outras onze ainda desaparecidas. O secretário-geral de Estado, Mateus Simões, disse nesta sexta-feira que, se a empresa não aceitar a proposta do Governo até o dia 29, o processo voltará à primeira instância. O Estado cobra uma indenização de R$ 26 bilhões por perdas ao Estado e outros R$ 28 bilhões por danos coletivos. Juiz de Fora entra na lista dos beneficiados. Há uma semana, em entrevista ao Grupo Solar, o governador Romeu Zema disse que parte dessa indenização seria aplicada na conclusão do Hospital Regional. Sem esse recurso, a obra vai continuar parada por tempo indeterminado.

O conteúdo continua após o anúncio
Paulo Cesar Magella

Paulo Cesar Magella

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia