Deputada aplaude credenciamento de novas equipes de Saúde da Família para Juiz de Fora

Ana Pimentel destacou as 50 novas equipes de saúde da Família cujo credenciamento já foi publicado no Diário Oficial

Por Paulo Cesar Magella

A deputada Ana Pimentel anunciou o credenciamento de 50 novas equipes de Saúde da Família para Juiz de Fora, oficializada pela ministra Nísia Trindade, e já publicada no Diário Oficial da União. A ministra esteve em Juiz de Fora no dia 31 de maio, quando, além de receber a Comenda Halfeld, participou da inauguração de uma Unidade Básica de Saúde. Na ocasião, ela chegou a falar sobre o credenciamento. Com essa medida, Juiz de Fora passa a contar com um total de 172 equipes de Saúde da Família. De acordo com a deputada, que também é médica, “esse reforço vai ao encontro do compromisso da administração municipal, sob a liderança da prefeita Margarida Salomão, de estender o horário de funcionamento das unidades básicas de saúde, proporcionando um acesso mais amplo e eficiente aos serviços de saúde para a população.”

Paulo Cesar Magella

Paulo Cesar Magella

Sou da primeira geração da Tribuna, onde ingressei em 1981 - ano de fundação do jornal -, já tendo exercido as funções de editor de política, editor de economia, secretário de redação e, desde 1995, editor geral. Além de jornalista, sou bacharel em Direito e Filosofia. Também sou radialista Meus hobbies são leitura, gastronomia - não como frango, pasmem - esportes (Flamengo até morrer), encontro com amigos, de preferência nos botequins. E-mail: [email protected] [email protected]

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Leia também