Tópicos em alta: coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Fala Quem Sabe: A moda a seu favor

Por Cesar Romero

19/09/2021 às 07h07 - Atualizada 18/09/2021 às 11h12

A moda a seu favor

A moda tem muitos significados. Ao ser analisada de forma imediata nós a submetemos ao gosto pessoal, e ela revela muitos aspectos da nossa personalidade e o que queremos comunicar.

Contudo, a moda tem uma função mais abrangente quando a visualizamos dentro do contexto social. É aí que entram as tendências, que nada mais são que a representação do momento e dos acontecimentos presentes, para comunicar nosso sentimento ou o nosso descontentamento em relação à realidade que nos cerca.

Roupas, sapatos, formas, cores, presentes nas tendências, caem no gosto de um grupo de pessoas, justamente por ter o mesmo significado para aquele grupo.

De acordo com a simbologia da moda, se observou que após períodos de crise, a moda tende a inflar seus volumes. Por isso volumes exagerados e artificiais pode ser uma espécie de compensação para recuperar o padrão perdido.

O conteúdo continua após o anúncio

Exemplo disso é o sucesso que as mangas bufantes estão fazendo nessa Primavera/Verão (2021/2022). Essa tendência não é só nas mangas. Ela vem também nas saias, nas calças mais amplas e soltinhas.

Para além das tendências, a forma de consumir moda vem passando por mudanças apoiadas na missão de fazer da moda um instrumento de expressão ao favor da mulher, e alinhada com os novos valores trazidos pelo século XXI.

A moda sempre traz encanto e frescor para a mulher e continua exercendo seu fascínio como uma comemoração da nova estação que se anuncia. Contudo, as escolhas pessoais, feitas no momento em que são lançadas, tendem, atualmente a priorizar as características que valorizam a individualidade e o estilo que contempla cada mulher – A moda a seu favor!

(Mariana Delmonte é empresária e leitora convidada)

Cesar Romero

Cesar Romero

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia