Tópicos em alta: delivery jf / eleições 2020 / coronavírus / greve / polícia

Delegada se surpreende com articulação envolvendo o seu nome

Por Paulo Cesar Magella

20/01/2020 às 20h00 - Atualizada 20/01/2020 às 16h36

A delegada Ione Barbosa, cujo nome também transita na lista de eventuais candidatos à Prefeitura de Juiz de Fora, se surpreendeu com a inserção de seu nome numa possível articulação entre o MDB e o PSDB do prefeito Antônio Almas, anunciada no Painel. Por ela, o vereador Kennedy Ribeiro – que defendeu tal tese na reunião do partido – deixaria o cargo, abrindo mão para o primeiro suplente, Júlio Gasparette. Ele, Kennedy, ocuparia uma secretaria municipal, provavelmente a de Governo, enquanto a delegada Ione seria indicada vice na chapa de reeleição do prefeito Antônio Almas. Em nota, Ione diz que seu projeto rompe com velhas práticas. ” O projeto que temos conjuntamente construído para Juiz de Fora representa – sem pretensão nem jactância – uma radical ruptura com o modelo de gestão administrativa e de alianças políticas que vem sendo praticado em Juiz de Fora nas últimas eleições. Projeto a ser apresentado, evidentemente, no caso de virem a existir as condições legais e partidárias para uma eventual candidatura nossa. Muita gente – honrada, trabalhadora, esperançosa – tem me animado e encorajado a seguir em frente. E é sobretudo em respeito e consideração a elas e a eles que dirijo esta minha manifestação.”

O conteúdo continua após o anúncio

Política como instrumento ético

E prossegue a nota: “Afinal de contas, eu, eles e elas, enfim, nós acreditamos na Política como instrumento ético e civilizatório, como a chave que nos faz seguir abrindo as amplas portas do futuro e acreditando, sinceramente, que uma outra Juiz de Fora é possível: uma cidade socialmente inclusiva, bem gerida e planejada, inspiradora de orgulho e não geradora de desalento, como hoje. É com esta Política que temos compromisso. É esta a chave legítima para abrir caminhos, construir diálogos e viabilizar consensos em torno de uma convicção: queremos e vamos resgatar o orgulho de ser juiz-forano.”

 

Paulo Cesar Magella

Paulo Cesar Magella

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia