Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / chuva / blogs e colunas / obituário / polícia

PJF anuncia aumento da tarifa da Área Azul

A taxa de ocupação de 90 minutos passa a custar R$ 2,45 para carros e R$ 1,20 para motociclistas

Por Tribuna

10/10/2019 às 10h05- Atualizada 12/10/2019 às 09h55

A partir da próxima quarta-feira (16), os valores da Área Azul, estacionamento rotativo pago de veículos com 2.074 vagas em toda a cidade, sofrerão reajuste. A taxa para ocupação de 90 minutos (Centro e São Mateus) e 180 minutos (bairros) passa a custar R$ 2,45 para automóveis e R$ 1,20 para motocicletas. Com o reajuste, os preços tiveram aumento de, respectivamente, 6,52% e 4,34%. O valor para automóveis era, anteriormente, de R$ 2,30 e, para motos, R$ 1,15.

Esta é a segunda alteração no valor do estacionamento rotativo desde que o sistema foi regulamentado em 2015. Na época, quando entrou em funcionamento, o custo era de R$ 2 para automóveis e R$ 1 para motocicletas. O último aumento havia sido instituído em março de 2017, dois anos após o início do contrato com a Estapar, empresa que explora o serviço na cidade.

“A Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) ressalta que _ mesmo o contrato prevendo reajuste anual _ a empresa não reajusta os valores desde 2017. Atualmente a cidade conta com um número total de vagas rotativas de 2.074, sendo 1.702 para automóveis e 372 para motos”, disse, em nota, a secretaria.

O conteúdo continua após o anúncio

Em entrevista à Rádio CBN Juiz de Fora, o diretor da Estapar Estacionamentos, Adelson Antonini, destacou que o reajuste está dentro das regras definidas no contrato. “Falar em reajuste gera desconforto, mas o sistema está adequado, encontra várias acessibilidades”, pontuou. Na normativa, conforme explica, ficou definida possibilidade de alteração no valor anual. “É um preço que, se você for gastar em combustível, procurando uma vaga para estacionar, gera um custo muito maior”, analisou.

45% utilizam aplicativo na cidade

Questionado sobre a dificuldade dos usuários no pagamento em dinheiro nos parquímetros, devido à necessidade de moedas para chegar ao valor exato, Antonini destacou o engajamento no pagamento via aplicativo. “Juiz de Fora, hoje, tem o maior índice de utilização do aplicativo em todas as outras cidades do Brasil que atuamos. Estamos chegando a 45% de utilização do aplicativo na cidade. É um número muito alto”.

Nas vagas da Área Azul, as paradas com limite de dez minutos são permitidas sem necessidade de pagamento de taxa, desde que o pisca-alerta esteja ligado. Os motoristas podem adquirir até dois créditos em um mesmo setor ao dia, de segunda a sexta-feira, entre 8h e 18h, e aos sábados, das 8h às 13h, com compra disponível pela internet, por aplicativo ou nos parquímetros nas próprias vias, os quais aceitam moedas e cartão da empresa. A exceção está no rotativo pago noturno do Bairro Alto dos Passos, que funciona de terça a domingo, das 18h às 2h e onde não há limite para renovação do uso.



Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Desenvolvido por Grupo Emedia